Tamanho do texto

Jogador esteve na Delegacia da Mulher na sexta-feira para se defender da acusação de estupro; ele negou ter feito sexo sem consentimento da modelo

Neymar na sua chagada à delegacia em SP
Aloisio Mauricio/Fotoarena/Agência O Globo
Neymar na sua chagada à delegacia em SP

Acusado de estupro pela modelo Najila Trindade , o atacante Neymar esteve na 6ª Delegacia da Mulher, localizada na zona sul de São Paulo, na tarde da última sexta-feira, presetando seu depoimento sobre o suposto crime ocorrido na cidade de Paris, em maio.

Leia também:

Neymar  chegou sob forte esquema de segurança, depôs por cerca de três horas e, na saída da delegacia, disse estar tranquilo e avisou que a "verdade aparece cedo ou tarde"

O "Jornal Nacional", da TV Globo, teve acesso ao depoimento do jogador, que negou ter feito sexo sem o consentimento de Najila. Neymar confirmou também que usou camisinha - jogando, depois, o preservativo no vaso sanitário - e que deu tapas na região das nádegas da modelo, mas a pedido dela.

Além disso, o atleta revelou que Najila posou para a fotografia que ele fez do corpo dela todo marcado e postou nas redes sociais para mostrar que não houve agressão.

Leia também: Meme espanhol pergunta: "Qual será o próximo escândalo de Neymar?"

A delegada do caso mostrou para Neymar as conclusões do laudo de exame de corpo de delito feito pelo IML a partir do relatório médico que Najila entregou à polícia. O laudo não atestou se houve ou não estupro, mas indicou que as lesões no corpo de Najila são compatíveis com a data da viagem dela à França.

Najila Trindade é a moça que acusa Neymar de estupro
Instagram
Najila Trindade é a moça que acusa Neymar de estupro

No depoimento, Neymar admitiu que tinha ingerido bebida alcoolica no dia do primeiro encontro com a moça, mas apenas uma dose, pois tinha acabado de sair de um treino no PSG . Ele afirmou que Najila dizia que o amava e queria casar com ele.

Neste momento, ele questionou as delegadas: "Como ela pode me amar se nem me conhecia direito?".

Leia também: Roberto Firmino supera Neymar e se torna o brasileiro mais caro do mundo

Sobre o segundo encontro, Neymar disse que pretendia levar Najila a uma festa em Paris, mas ela começou a agredi-lo e ele então foi embora. O jogador alegou que em momento nenhum ela disse ter sido estuprada e que ela reclamou por ter ficado sozinha no hotel.

No final do depoimento, Neymar se emocionou ao falar da situação que está vivendo, admitindo que esse é o pior acontecimento da vida dele e que nenhuma lesão se compara a isso. Segundo o jogador, seu filho não pode ir à escola porque os amigos dizem que ele é filho de um estuprador.

    Leia tudo sobre: futebol