Tamanho do texto

O espanhol Rafael Nadal desistiu de competir no Masters 1000 de Paris e o sérvio Djokovic retornará ao topo do ranking da ATP depois de dois anos

Tenista Novak Djokovic volta ao topo do ranking da ATP após dois anos
Reprodução/Twitter/AustralianOpen
Tenista Novak Djokovic volta ao topo do ranking da ATP após dois anos

A partir da próxima semana o mundo do tênis terá um novo número um do mundo. O tenista Novak Djokovic, atual segundo colocado no ranking da ATP, vai herdar a posição do espanhol Rafael Nadal que desistiu de competir no Masters 1000 de Paris.

Leia também:  Roger Federer vence ATP da Suíça e conquista 99º título da carreira

Nadal já tinha se retirado do US Open, no início de setembro, devido a dores no joelho direito. Dessa vez, o espanhol alegou uma lesão na região abdominal e decidiu abandonar a competição na França. Dessa maneira, o tenista Novak Djokovic ultrapassará Nadal em pontos.

“Senti algo no abdômen nos últimos dias, principalmente quando sacava. Os médicos me recomendaram para não jogar”, comentou o espanhol. O atleta não deu como certa sua participação no torneio Finals, que será disputado entre os dias 11 e 18 de novembro, em Londres.

Leia também:  Com erros nas paralelas, seleção feminina de ginástica fica em 7º no Mundial

A última vez que Djokovic esteve na liderança do ranking da ATP foi no dia 31 de outubro de 2016. Dois anos depois o sérvio retorna ao topo. Durante a temporada de 2018, ele chegou a ocupar a posição de 22º e, ao assumir a liderança, repetirá o feito de Marat Safin que saiu do Top 20 para a ponta da elite do tênis mundial.

Novak Djokovic venceu nesta temporada o torneio de Wimbledon e o US Open , chegando a 14 títulos de Gran Slam em sua carreira.

Ajuda aos envolvidos em tragédia na Espanha

Em seu twitter oficial, Rafael Nadal anunciou uma partida exibição no dia 07 de dezembro, na cidade de Palma, em Mallorca, em prol das vítimas dos alagamentos do mês passado em San Llorenç.

Leia também:  Mesa-tenista brasileira de apenas 13 anos faz história em Mundial de Cadetes

Natural da cidade, o jogador ajudou comerciantes a retirar a lama de seus estabelecimentos e recebeu apoio de amigos como Roger Federer e o tenista Novak Djokovic .


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.