Bortuzzo, promessa da natação italiana, ficou paraplégico após ser baleado em Roma
Reprodução
Bortuzzo, promessa da natação italiana, ficou paraplégico após ser baleado em Roma

Uma briga em frente a um bar mudou para sempre o rumo de uma promessa da natação italiana. Manuel Bortuzzo, de 19 anos, foi baleado na cidade de Roma na noite do último sábado (02) e ficou paraplégico após sofrer lesão na medula espinhal.

Leia também:  Amigo de Emiliano Sala diz que jogador foi forçado a entrar em aeronave

De acordo com a mídia local, Bortuzzo foi até um bar no distrito de Axa com amigos, sua namorada, e outros atletas da natação . Porém, o grupo não conseguiu entrar no estabelecimento por causa de uma briga violenta que aconteceu dentro das dependências.

Ao caminharem para o carro que estava estacionado alguns metros do bar, Manuel foi baleado no tórax por dois rapazes em uma moto. Foram disparados três tiros e um deles atingiu o nadador. O crime aconteceu às 2h00 da madrugada de sábado para domingo, na praça Ésquilo.

As autoridades locais estão investigando o incidente e uma das linhas de investigação aponta que Bortuzzo teria sido alvo de uma máfia italiana que o teria confundido com outra pessoa, supostamente ligada à briga dentro do bar. Até esta terça-feira, somente uma pessoa foi interrogada pela polícia e negou envolvimento com o ocorrido.

Você viu?

Leia também:  NFL pode chegar no Brasil e ter jogo disputado em São Paulo, diz colunista

O diretor do Departamento de Neurologia do Hospital Roman San Camillo, Alberto Delitala, que atendeu o jovem atleta, conversou com jornalistas italianos sobre a condição de Bortuzzo. “Por enquanto acreditamos não ser possível uma recuperação funcional do movimento da perna. A possibilidade de recuperar a mobilidade das pernas com o conhecimento médico atual não é possível”.

Os paramédicos que atenderam Bortuzzo após o disparo comentaram que o resgate levou dez minutos para chegar ao local e o nadador foi levado ao hospital Ostia Grassi em código vermelho, de urgência, com ativação de ressuscitador.

O caso de Manuel Bortuzzo causou comoção na Itália e o nadador aposentado Filippo Magnini, bicampeão mundial de 100m livre, publicou em sua conta oficial do Instagram uma mensagem pedindo para que o jovem de 19 anos ‘não desistisse de sua vida’. Veja o post abaixo:

Leia também:  Neymar faz festão de aniversário em Paris e 'pede metatarso' de aniversário

Manuel é natural de Trieste e estava na capital italiana para treinamentos no Centro Federal de Ostia. O menino já era cotado para integrar a equipe nacional e era tratado como promessa do esporte pela Federação Italiana de Natação . Ainda não há informações sobre quando o jovem atleta terá alta do hospital.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários