Tamanho do texto

Modalidade mistura futebol, vôlei e tênis de mesa e é destaque entre jogadores de futebol, nos grandes clubes e junto ao público em geral

Jogo de futmesa
Futmesa Brasil / Divulgação
Jogo de futmesa

Você já ouviu falar em futmesa? É um esporte de fácil aprendizado, atraente e competitivo, que mistura futebol, vôlei e tênis de mesa. Ele pode ser praticado por todas as idades e vem conquistando o Brasil.

Leia também: "Falha no regulamento" pode fazer o Campeonato Paulista acabar no tapetão

O futmesa já é sucesso entre os jogadores de futebol profissional e tem sido utilizado nos grandes clubes do País e, também, do exterior, ajudando no desenvolvimento da coordenação motora, na melhora nos reflexos, pontaria e controle de bola.

Sem falar no público em geral, com diversão e lazer para crianças, jovens e adultos.

O lançamento oficial do novo esporte aconteceu nesta terça-feira, no Museu do Futebol, em Sao Paulo, com a presença dos ex-jogadores Fábio Luciano e Rodrigo Arroz e das vice-campeãs mundiais de futevôlei Nathália Guitler e Bianca Hiemer.

Os quatro fizeram um jogo exibição e também bateram bola com vários jornalistas, entre os quais o comentarista da TV Globo, Caio Ribeiro, ex-jogador do São Paulo.

O futmesa pode ser jogado em casa, na praia, no campo ou no parque, entre outros locais, seja como lazer, competição ou em técnica para aquecimento e treinamentos funcionais e/ou regenerativos.

A modalidade tem regras próprias, utilizando uma bola e uma mesa com rede para a sua prática. É possível jogar um contra um ou em duplas. Não é permitido tocar a bola com as mãos, podendo dar no máximo três toques na bola, sendo necessário colocá-la na metade oposta da mesa.

Jogadores como Neymar , Thiago Silva, Philippe Coutinho, Roberto Firmino e Casemiro, assim como o surfista Gabriel Medina são fãs do esporte. A CBF e clubes como Corinthians, São Paulo, Palmeiras, Internacional, Atlético-MG e Red Bull Brasil já usam a nova modalidade no dia a dia, como treinamento e, também, como recreação.

Jogo de futmesa
Futmesa Brasil / Divulgação
Jogo de futmesa

Idealizado pela empresa Futmesa Brasil, traz em sua história pioneirismo e inovação, além da paixão pelo esporte.

"Nos últimos três anos, desenvolvemos e fomos aprimorando a modalidade. Fundamos a Liga e, agora, o objetivo é organizar o primeiro campeonato oficial neste ano. Nosso sonho é que o esporte cresça cada vez mais, para que no futuro se torne olímpico. Vamos em busca disso", afimou Flávio Deleo, um dos sócios.

"Serão criados departamentos dentro dos clubes de futebol e, na sequência, realizados torneios internos, regionais, até chegar a um campeonato nacional", completou.

"Os jogadores profissionais já abraçaram a ideia. A modalidade é ideal também para a diversão de toda a família. A mesa é resistente ao sol, a chuva e pode ser colocada nos mais diferentes espaços. E estamos desenvolvendo a bola oficial, um pouco mais leve e mais macia do que a do futebol", garantiu Juliano Alvizi, também sócio da empresa.

Desde quando surgiu, no ano passado, a Futmesa Brasil já comercializou mais de 200 mesas para diferentes estados do Brasil e, também, para o exterior, em países da Europa e da Ásia.

Mesa do jogo de futmesa
Futmesa Brasil / Divulgação
Jogo de futmesa

São dois modelos – House e Pro –, além de um terceiro, com lançamento em breve, assim como a criação de bola específica para a modalidade. As mesas, produzidas em fibra de vidro e tamanho oficial, são homologadas pela Liga Brasileira de Futmesa.

Esporte para todos

O futmesa pode ser jogado por todas as idades e é inclusivo. "Já estou jogando há mais de um ano e só tem agregado ao futevôlei. Ajuda no entrosamento e uso como aquecimento. Tenho certeza que vai crescer cada vez mais", observou Nathália Guitler.

Leia também:  Ótimo para o Corinthians, mas péssimo para o futebol

"O futmesa tem tudo para virar um esporte olímpico, pela sua praticidade, podendo ser jogado em diferentes espaços", ressaltou Bianca Hiemer.

"Sou um apaixonado por esporte. Primeiro foi o futevôlei que entrou na minha vida, depois que parei de jogar futebol em 2009 e, aí veio o futmesa. Adoro jogar com minha esposa, com meus filhos, uma diversão. E tem também o lado profissional, o que está agregando aos clubes e presente no dia a dia dos jogadores, que tem a mesa em suas casas. Sem falar na saúde, na qualidade de vida. Uma ideia genial, para o corpo e para a mente", resumiu Fábio Luciano.

Benefícios do novo esporte

Jogo de futmesa
Futmesa Brasil / Divulgação
Jogo de futmesa

A Futmesa Brasil foi buscar, junto a empresas e profissionais especializados, laudos e estudos científicos que comprovam os resultados da prática do esporte.

O Prof. Dr. Franz H. P. Burini, especialista em Medicina Esportiva / Medicina Preventiva, realizou em novembro do ano passado uma avaliação metabólica em atletas, no CT do Corinthians, que mostra o funcionamento do organismo como um todo frente ao esforço que é exposto - no caso o futmesa -, obtendo o perfil para otimizar os treinos para a melhora da saúde e da performance.

Já o Motion Lab – Consultoria e Assessoria em Análise de Movimentos -, com a coordenação de Luciano M. Rosa, apresentou as conclusões das atividades relacionadas à análise biomecânica de jogadores durante a utilização do futmesa, com profissionais especializados nos conceitos de biomecânica do esporte, em dois sistemas de análise: cinemetria e eletromiografia.

Conheça as regras do futmesa:

  1. Jogos podem ser individuais ou em duplas;
  2. Partidas em dupla = 18 pontos e partidas individuais = 11 pontos;
  3. Partidas em melhor de 1, 3 ou 5 sets;
  4. Saque somente com os pés ou cabeça;
  5. Se errar o primeiro saque, pode realizar uma 2ª tentativa;
  6. A bola, durante o saque, deve bater na área demarcada na mesa;
  7. Após o saque, a bola pode bater em qualquer parte do lado oposto para ser válido;
  8. Ao passar a bola para o adversário, não invada, por cima da rede, o lado oposto da mesa;
  9. No máximo três toques na bola - mas na recepção do saque são no mínimo dois toques;
  10. É permitido subir na mesa PRO, mas sem utilizar as mãos;
  11. Não é permitido tocar a mão na bola e nem na mesa.

Confira as regras do futmesa no vídeo abaixo:

Início do futmesa Brasil

Flavio Deleo, empresário do ABC paulista, viu um vídeo de Neymar jogando em uma mesa similar em sua casa, em Barcelona e convenceu o sócio, Juliano Alvizi, que aquilo poderia ser um ótimo negócio.

Após viagem para Europa, pesquisaram e desenvolveram os equipamentos, que estão comercializando há pouco mais de um ano.

Leia também: Pelé chega ao Brasil após passar por cirurgia em Paris e é internado

O crescimento do negócio fez a fábrica, em Santo André, dar lugar a um novo espaço, em São José dos Campos, no Vale do Paraíba, que acaba de ser inaugurado. E o sucesso junto a jogadores, clubes e o público como um todo vem transformando o futmesa no novo esporte que está conquistando o País.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.