Tamanho do texto

Aos 34 anos, Lindsey subiu 137 vezes ao pódio da Copa do Mundo de esqui; dentre essas foi campeã 82 vezes em cinco modalidades diferentes

Lindsey Vonn fez história no esqui mundial
Reprodução
Lindsey Vonn fez história no esqui mundial

Uma das maiores atletas de esqui mundial anunciou sua aposentadoria nesta sexta-feira (01). A norte-americana Lindsey Vonn é tetracampeã da Copa do Mundo de esqui alpino e foi pioneira no esporte entre as mulheres.

Leia também:  Kobe, Messi ou Brady? Quem é o maior esportista de todos os tempos?

Em texto emotivo publicado em sua página oficial do Facebook, Lindsey disse que a decisão de se aposentar do esqui demorou duas semanas para ser tomada.

“As últimas duas semanas foram alguns dos dias mais desafiadores da minha vida. Estou a lutar com a realidade do que o meu corpo está a dizer-me contra o que a minha mente e o coração acreditam que sou capaz”, diz a mensagem.

A esquiadora admitiu que depois de diversas lesões e cirurgias, o corpo não responde mais as competições e ela precisa se afastar. A despedida oficial da neve acontecerá na próxima semana no Campeonato Mundial de Dowhill e Super-G, disputado em Are, na Suécia.

Leia abaixo a despedida de Lindsey Vonn do esporte.

Nascida em 18 de outubro de 1984 em Minnesota, Lindsey teve o primeiro contato com o esqui aos dois anos de idade. Com 15 anos ela se profissionalizou e venceu sua primeira medalha na modalidade slalom no Trofeo Topolino, na Itália.

Leia também:  GP do México deve deixar o calendário da Fórmula 1 a partir de 2020; entenda

Desde então não parou mais de acumular medalhas. De 2008 a 2016, Lindsey esteve 137 vezes no pódio da Copa do Mundo sendo um total de 82 vitórias, recorde na categoria. Ela foi campeã em diversas modalidades: geral, dowhill, super-g, slalom gigante e combinado. Apenas seis mulheres tiveram êxito em todas as provas.

Com quatro medalhas no esqui alpino, a norte-americana se tornou a segunda competidora do sexo feminino a conseguir tal feito, atrás apenas de Annemarie Moser-Proll.

Nos Jogos Olímpicos de Inverno em 2010, outro recorde para a carreira de esquiadora profissional.  Ela conquistou a medalha de ouro no dowhill e se tornou a primeira mulher americana a realizar esse feito na modalidade. Por esse motivo, é considerada até hoje a esquiadora dos EUA mais bem sucedida da história.

Lindsey Vonn foi homenageada no mesmo ano com o Laureus World Sports Awards, uma premiação equiparada ao ‘Oscar’ para os atletas. No mesmo ano ela também ganhou honrarias da Associated Press, agência de notícias.

Leia também:  'Boxing For You', o evento que marcará o renascimento do boxe no Brasil

“Obrigado pelos anos incríveis, por me apoiar através de grosso e fino, e por fazer o meu trabalho tão divertido. Não vejo a hora de ver alguns de vocês no encerramento onde eu vou dar tudo de mim pela última vez”, escreveu a lenda do esqui americana.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.