Tamanho do texto

Bolt jogou por um mês no Central Coast Mariners, da Austrália, marcou 2 gols e deu uma assistência em 02 partidas. Agora ele vai focar nos negócios

Usain Bolt jogou pelo Central Coast Mariners, no futebol da Austrália, durante um mês
Reuters
Usain Bolt jogou pelo Central Coast Mariners, no futebol da Austrália, durante um mês

Após uma curtíssima carreira no futebol, o jamaicano Usain Bolt anunciou sua aposentadoria do esporte. O campeão olímpico de atletismo vai se aventurar em uma área bem diferente.

Leia também:  Famosa por postar fotos de biquíni, alpinista morre de hipotermia em Taiwan

“A vida esportiva acabou, então estou indo para diferentes ramos dos negócios. Tenho vários objetivos em mente. Estou tentando me organizar e ser um homem de negócios agora”, disse Usain Bolt à agência de notícias Reuters .

Bolt sempre foi fã de futebol. Torcedor declarado do Manchester United, o velocista manifestou em 2016 a vontade de ingressar no futebol após sua aposentadoria das pistas. E foi o que ele fez.

Depois de um tempo de treinos no Borussia Dortmund, da Alemanha, e no Stromsgodset, da Noruega, em agosto de 2018 Bolt foi contratado pelo Central Coast Mariners, da Austrália, para um período de teste. No pouco tempo que defendeu o time australiano, o jamaicano de 32 anos participou de 02 jogos, marcou 02 gols e deu uma assistência.

Após o período de testes, o Mariners e Bolt não se acertaram quanto a um contrato definitivo e o atleta deixou a equipe. Na mesma época, o Valletta FC, time de Malta, ofereceu um contrato a Bolt, mas ele recusou.

Leia também:  Cristiano Ronaldo admite fraude e faz acordo milionário com Justiça espanhola

Assista ao primeiro gol de Bolt no Central Coast Mariners.

“Foi uma boa experiência. Eu realmente gostei de estar em um time, e era diferente do atletismo. Foi divertido enquanto durou”, disse Bolt.

E o futebol não foi o único esporte no qual o multi medalhista olímpico no atletismo se aventurou. Quando ainda era jovem, Bolt jogou críquete na Jamaica. Em 2013 ele foi convidado para participar de uma partida de basquete no NBA All-Star. O jamaicano marcou dois pontos na partida.

Leia também:  Avião com atacante argentino desaparece no Canal da Mancha, na França

Usain Bolt anunciou sua aposentadoria do atletismo em 2017, aos 30 anos de idade. Com ele fora do futebol também, restam aos fãs de esporte a lembrança dos três recordes mundiais nos 100m, 200m e 4x100m além das nove medalhas olímpicas de sua carreira.

    Leia tudo sobre: futebol
    Perfil do(a) author(a) iG São Paulo

    Sobre o autor(a)

    iG São Paulo