Maradona
Reprodução
Maradona

A morte de Diego Maradona  continua causando polêmica mesmo depois de 15 dias do ocorrido. Nesta quinta-feira, no programa argentino Confrontados, apresentado por Marina Calabró, foi exibido um vídeo do jogador,  antes da operação na cabeça que sofreu no dia 3 de novembro , na Clínica de Olivos.

Nas filmagens é possível ver o craque cantando, fumando um charuto que segurava com a mão esquerda, um copo de cerveja e também comprimidos, comprovando que Maradona estava fazendo uso de remédios sem parar com a bebida, como era necessário.

Além disso, segundo a imprensa argentina, as pessoas que aparecem ao lado de Maradona na gravação eram alguns de seus amigos mais próximos, como os médicos Mariano Castro e Alfredo Cahe.

Castro, aliás, fora um de seus confidentes durante sua estada em Cuba. “É uma pessoa que conhece os mistérios e segredos de Diego Maradona como ninguém, principalmente os que têm a ver com a sua presença na ilha de Cuba, porque esteve ao seu lado durante muito tempo”, disse um dos comentaristas presentes. 

Vale lembrar que, meses antes de morrer, Diego Maradona decidiu enviar um áudio do WhatsApp para Mario Baudry , o atual namorado de Verónica Ojeda, sua ex-esposa. De coração aberto, confessou como vê o ex-companheiro e fez um pedido muito especial ao seu filho mais novo, Dieguito Fernando.

“Olá Mario, é o Diego, sei que vai parecer incrível para você mas vejo o Vero bem, ele me disse que está com você, cuida muito dela, e por falar nisso você cuida do meu anjo que não tem comparação com nada”, afirmou. Além disso, com uma voz bastante clara e direta, Maradona concluiu: “Olha, eu tenho muitos filhos, mas este vai tirar de mim o último grisalho. Um abraço".

Confira o polêmico vídeo abaixo:



    Veja Também

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      Comentários