O retorno de Lionel Messi à seleção da Argentina depois de ficar fora por cerca de oito meses foi criticado por Mario Kempes, campeão mundial de 1978. Para ele, o craque serve somente para que a Associação de Futebol da Argentina (Afa) ganhe dinheiro.

Leia também: Torcedores argentinos jogam água fervendo em bandeirinha durante partida

undefined
Divulgação
Messi retornou à seleção da Argentina após mais de oito meses e foi criticado por Mario Kempes

“Eu dizia no começo, quando escolheram Scaloni, para que chamar Messi? Claro, não acreditei que ele estivesse penando neste momento, mas, Messi serve só para a seleção ganhar dinheiro", disparou Kempes em entrevista ao programa "SportsCenter" da ESPN Argentina.

"Eu não acredito que Scaloni chame-o [Messi] para formar o time, já que conhecemos tudo dele, é o melhor jogador do mundo. Não vai ser prejudicial para ele ser chamado a qualquer momento”, acrescentou.

Leia também: Campeão do mundo com a França volta a criticar Neymar: "Venderia já"

O camisa 10 retornou à seleção Albiceleste após ficar afastado desde a eliminação da Copa do Mundo de 2018, para a França, mas não teve muita sorte, já que a Argentina perdeu para a Venezuela por 3 a 1.

Na última terça-feira, em outro amistoso, desta vez contra o Marrocos, a vitória veio pelo placar mínimo, mas o craque do Barcelona não jogou, pois foi cortado após sentir uma lesão no púbis.

Em outra resposta, Kempes disse que a presença do 'Pulga' atrapalha no desempenho dos outros jogadores comandados por Lionel Scaloni.

Leia também: Corinthians promove ação de conscientização sobre a epilepsia na Arena

"Messi tira todas as coisas boas que outros jogadores têm. Parece que eles não sabiam como jogar, parece que estavam nervosos para pegar a bola e dar para Messi. Estando Messi em campo, a personalidade dos jogadores é nula", finalizou.

    Leia tudo sobre: futebol

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários