Adrien Rabiot está afastado do PSG
Reprodução
Adrien Rabiot está afastado do PSG

Em entrevista para o 'L’Équipe', Veronique Rabiot, mãe do meio-campista Adrien Rabiot, reclamou do tratamento do PSG com seu filho, que foi afastado do elenco, e ironizou a vinda de Neymar ao Brasil curtir o carnaval, mesmo estando machucado.

Leia também: Pai de Neymar avisa Real e Barça que filho planeja sair do PSG, diz jornal

“No PSG, há jogadores que estão seis minutos atrasados por conta de uma soneca (caso de Rabiot e Mbappé, que se se atrasaram para uma conversa da equipe e foram punidos), e outros, que estão lesionados mas podem ir e comemorar o Carnaval do Rio de Janeiro no outro lado do mundo...”, disse Veronique, se referindo ao brasileiro Neymar .

Veronique deu também uma forte declaração, afirmando que seu filho é um prisioneiro do clube, e que o ambiente interno é cruel.

“Adrien é um prisioneiro, um refém do PSG . Logo será pão seco, água e masmorra. Este ambiente é cruel”, afirmou.

Leia também: Craque Neto detona o "mimadinho" Neymar: "Não é jogador, é celebridade"

Você viu?

Com contrato até o fim desta temporada, Rabiot já comunicou ao clube francês que não deseja renovar seu vínculo, o que gerou um mal-estar e seu afastamento em dezembro. Desde então, o jogador vem treinando para manter a forma física.

“Eu não estou chorando por simpatia, nem para enfraquecer Adrien ainda mais ao dizer que ele não está lidando bem. Seu lado humano está sob ataque. Eu posso apenas contar a você que ele está levando isso muito mal desde o começo. Adrien treina desde a suspensão dele, mas eu não vou dizer onde, com quem e como. Claro que ele fala", revelou Veronique.

Rabiot em campo pelo PSG na Champions League
Getty Images
Rabiot em campo pelo PSG na Champions League

Recentemente, o jogador foi afastado de novo após ser visto em uma balada na noite em que os parisienses foram eliminados da Champions League pelo Manchester United, conforme divulgou o 'L’Équipe'.

Leia também: PSG é multado por racismo na seleção de jogadores das categorias de base

“O PSG quer controlar a vida privada de Adrien quando não está mais interessado. Eles querem que ele fique de pijama às 21h, fique em frente da TV e vá para a cama às 23h! quando um jogador está jogando, eles têm o ritmo de treino. Esse já não é mais o caso”, afirmou a mãe de Rabiot .

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários