Tamanho do texto

Árbitro de três Copas do Mundo, Óscar Ruiz se aposentou em 2011 e enfrenta acusações de pelo menos quatro ex-colegas na Colômbia

Óscar Ruiz foi árbitro em três Copas do Mundo
Reprodução / Getty Images
Óscar Ruiz foi árbitro em três Copas do Mundo

O ex-árbitro colobiano Óscar Ruiz, aposentado desde 2011, foi acusado por outros árbitros do país de assédio sexual e chantagem. Segundo Harold Perilla, que chegou a prestar queixa criminal, o ex-juiz usava de seu prestígio para abusar de outros profissionais.

Leia também: Árbitro é suspenso após esquecer moeda e promover jokenpô entre capitãs

"Foram vários episódios de assédio. Faço a denúncia por assédio sexual desde 2007 até a minha aposentadoria. Me dizia que se deveria ter relações sexuais com ele se quisesse chegar longe na arbitragem. Me dizia coisas mórbidas. Uma vez me tocou nos testículos e nádegas", revelou o árbitro , em entrevista à Rádio W, da Colômbia.

Além de Óscar Ruiz , o ex-árbitro conta que também sofria assédio de Imer Machado, outro antigo árbitro da Fifa e membro do Conselho de Arbitragem da Federação Colombiana.

"Machado fez bullying comigo, me colocava apelidos, me tocava nas nádegas, nos testículos. Tive mil experiências deste tipo com ele e tenho testemunhas" , disse Perilla.

Leia também: Neymar tentou invadir vestiário dos árbitros após eliminação do PSG, diz TV

Também denunciam Óscar Ruiz os árbitros Javier Reina, Carlos Chávez e Julián Mejía, este que também relatou um episódio de assédio.

"Me convidou para ver uma final da Liga dos Campeões na sua casa e, de uma hora para a outra, começou a me tocar na perna. Pedi que me respeitasse e ele ficou de pé e, desde então, mudou comigo", afirmou Mejía.

As denúncias, porém, não são as primeiras contra o ex-árbitro, que em 2012 foi acusado de ter abusado de Germán Mauricio Sánchez em sua casa.

"Eu não o denunciei antes porque tinha a meta de voltar a apitar profissionalmente. Queria que tudo pudesse ser solucionado nas instâncias esportivas", revelou Sánchez na ocasião.

Leia também: Profissionalização dos árbitros de futebol: verdades e mitos

Aposentado desde 2011, Óscar Ruiz foi um árbitro de muito prestígio na América do Sul e também a nível mundial, apitando três Copas do Mundo (2002, 2006 e 2010), além de quatro finais da Taça Libertadores e da Copa América de 199, vencida pela Seleção Brasileira.

    Leia tudo sobre: Futebol