O técnico do PSG, Thomas Tuchel, quase uma semana após a eliminação na Liga dos Campeões para o Manchester United, disse em entrevista coletiva nesta segunda-feira (11) que não tem explicação para o que aconteceu no Parc des Princes na última quarta-feira (6).

Leia também: Real Madrid demite Santiago Solari e anuncia a volta de Zidane como treinador

undefined
Divulgação/PSG
Técnico do PSG sobre eliminação na Liga dos Campeões: "Foi um acidente, não há explicação"

"A equipe inteira está triste, é difícil analisar esse jogo. Acho que foi um acidente, não há explicação, nós controlamos o jogo, mas a tensão se estabilizou. Depois do primeiro gol a nossa reação foi boa, foi um momento para crescer e deixar as dúvidas para trás, mas não fomos capaz", afirmou o técnico do PSG .

"Eu não vou mentir para vocês, eu estava confiante, nós não tivemos a chance de superar este obstáculo", acrescentou.

Leia também: Para Guardiola, Manchester City ainda é "adolescente" na Liga dos Campeões

Apesar da eliminação na Liga dos Campeões , a temporada para o PSG continua e a próxima partida será nesta terça, contra o Dijon, pelo Campeonato Francês, fora de casa. Ao falar sobre o confronto, o treinador revelou que os jogadores não queriam entrar em campo no restante da competição nacional, a qual lideram com 71 pontos, 14 à frente do Lille, segundo colocado.

"Nos primeiros dias os jogadores não queriam jogar, mas não é uma opção, há uma temporada para terminar. É necessário saber descontar e continuar, é do esporte. Temos a oportunidade de nos encontrar como campeões e é o desafio e o dever do pessoal, empurrar os jogadores todos os dias. Jogar amanhã é o melhor dos remédios", disse.

Por fim, Thomas Tuchel falou sobre a ausência de alguns jogadores, seja por lesão, caso de Cavani, ou suspensão, caso de Daniel Alves.

Leia também: Convocado para seleção, David Neres revela não ter atendido ligações de Tite

"Cavani treinou individualmente ontem, mas ainda há muito risco para amanhã, então ele não vai jogar. Julian Draxler está lesionado por algumas semanas. Leandro Paredes não está disponível e Daniel Alves está suspenso", finalizou o técnico do PSG .

    Leia tudo sobre: futebol

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários