Tamanho do texto

De acordo com o jornal The Times, José Mourinho vai participar da equipe de comentaristas da beIN Sports na cobertura da Copa da Ásia 2019

José Mourinho está sem clube desde saiu do Manchester United em dezembro. O próximo passo deve ser em canal de televisão
Divulgação
José Mourinho está sem clube desde saiu do Manchester United em dezembro. O próximo passo deve ser em canal de televisão

Desde que deixou o comando do Manchester United em 18 de dezembro, José Mourinho tem planejado um novo rumo para a sua carreira. De acordo com o jornal The Times , o português estaria se preparando para ser comentarista de um canal de televisão do Catar.

Leia também: Tottenham investiga suposto caso de racismo contra sul-coreano Son

Com 55 anos, José Mourinho fez história treinando times como o Porto, Chelsea e a Internazionale de Milão. Passou alguns anos como o melhor treinador do mundo, mas seus últimos trabalhos têm ficado marcados pelo relacionamento difícil com os jogadores.

O português deve estrear no próximo dia 17 de janeiro na beIN Sports, em transmissão da Copa da Ásia que vai até o dia 01 de fevereiro. A competição está na última rodada da fase de grupos e na próxima semana começam as oitavas de final.

O canal de esportes ainda deve ter outros grandes nomes de comentaristas como Zlatan Ibrahimovic, Nemanja Vidi, Sneijder e Arsene Wenger. De acordo com as informações do jornal, Mourinho ganharia 76 mil dólares por jogo (cerca de R$ 282 mil, na cotação atual).  

Leia também:  Jesus faz dois, City vence o Wolverhampton e segue na cola do Liverpool

O treinador também deve estar na equipe que transmitirá o jogo entre Arsenal e Chelsea no próximo sábado (19), pela Premier League.

A negociação para ser comentarista no canal de esportes teve de ser sigilosa já que Mourinho assinou um termo assim que saiu do Manchester United em que se comprometia a não tratar de negócios até a indenização ser paga pela equipe inglesa.

No último dia 10 de janeiro, o português recebeu R$ 70 milhões do United . Dias antes o Benfica de Portugal mostrou interesse na contratação do treinador, porém, Mourinho afirmou que não pretende voltar a seu país natal para comandar nenhuma equipe.

Em 2003 Mourinho apareceu no comando do Porto e chamou atenção no mundo do futebol. Após duas temporadas de glórias na equipe se transferiu para a Inglaterra e passou a ser conhecido como ‘special one’.

    Leia tudo sobre: Futebol