Tamanho do texto

Caso aconteceu em maio, mas Riccardo Calder foi condenado nesse mês. A vítima teve lesões no rosto e um dedo quebrado por causa dos chutes

O jogador Riccardo Calder foi flagrado por câmeras de segurança de um Pub no momento que agredia a enfermeira
Reprodução
O jogador Riccardo Calder foi flagrado por câmeras de segurança de um Pub no momento que agredia a enfermeira

Um caso de agressão à mulher envolvendo um jogador de futebol na Inglaterra, em maio desse ano, voltou à tona nos últimos dias depois que a polícia de West Midlands liberou o vídeo da confusão.

Leia também:  Guardiola atribui queda de rendimento do City a ausência de Fernandinho

O ex-atleta do Aston Villa, Riccardo Calder, espancou uma enfermeira de 24 anos depois de uma batida de carro. As imagens das câmeras de segurança de um estacionamento de pubs mostram o momento em que o carro do jogador e da mulher chega ao local.

Após estacionarem, Calder sai do veículo e vai conversar com a motorista. Ela dá ré no carro e ao tentar sair bate na traseira do Mercedes branco do atleta. Ele segue a mulher e quando ela para, depois de alguns segundos de conversa, ele desfere socos pela janela, abre a porta e chuta várias vezes a enfermeira.

Segundo informações do site britânico Mirror , eles teriam tido um problema na rodovia próxima e pararam para conversar. O caso acontece no dia 07 de maio e as imagens apenas foram liberadas nesse mês depois do julgamento do jogador.

Samantha Morgan, do Serviço de Promotoria da Coroa, comentou sobre o caso. “O ataque deixou a vítima com ferimentos significativos e como o réu era conhecido da vítima , a identificação não era um problema”.

Leia também:  Dudu, Romero e Lucas Lima concorrem ao gol mais bonito da Libertadores/18

A mulher que não teve seu nome divulgado sofreu contusões nos olhos e no rosto, uma fratura no polegar e um corte no lábio.

Durante o julgamento de Calder, a defesa alegou que o jogador reagiu ao fato da mulher ter batido no carro do atleta enquanto estava parado. Porém, Morgan disse que o júri não foi convencido.

O jogador Riccardo Calder tem 22 anos e foi revelado pelo Aston Villa, da Inglaterra
Reprodução
O jogador Riccardo Calder tem 22 anos e foi revelado pelo Aston Villa, da Inglaterra

“O tribunal não aceitou que o réu agisse em legítima defesa devido ao ataque sustentado evidenciado pelo CCTV. A clareza da CCTV apoiou o caso que resultou em um veredicto de culpado”. Riccardo Calder foi sentenciado no início de dezembro a nove meses de prisão.

Com apenas 22 anos de idade, Calder surgiu para o futebol em 2014 no Aston Villa. Passou por diversos empréstimos e seu último time foi o Inverness Caledonian Thistle, do Campeonato Escocês, de onde foi demitido após a sentença. 

Leia também:  Ministro compara caso de racismo contra Koulibaly com 'brincadeira saudável'

O jogador chegou a atuou por quatro partidas na seleção inglesa sub-17 no ano de 2012.

    Leia tudo sobre: Futebol
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.

    Notícias Recomendadas