Tamanho do texto

Caio Lucas nunca atuou no futebol brasileiro e vem chamando atenção pelas atuações defendendo o Al Ain, representante do país sede do Mundial

Caio fez um gol no tempo normal e ajudou o Al Ain a se classificar para a final do Mundial de Clubes
Divulgação/FIFAcom
Caio fez um gol no tempo normal e ajudou o Al Ain a se classificar para a final do Mundial de Clubes

O meia Caio Lucas é titular e veste a camisa 7 do Al Ain, dos Emirados Árabes, e vem se destacando no Mundial de Clubes. As boas atuações chamaram a atenção de times europeus, e o brasileiro pode estar de mundança para o Velho Continente.

Leia também: Nos pênaltis, Al Ain vence o River Plate e vai à final do Mundial de Clubes

De acordo com o jornal 'A Bola', de Portugal, o Benfica enviou um representante para negociar com os empresários do jogador durante a disputa do Mundial de Clubes . A proposta seria de um salário anual de 1,2 milhão de euros (cerca de R$ 5,3 milhões), metade do que Caio ganha no Al Ain .

Para compensar a diferença, o clube oferece também luvas pela assinatura e outros bônus. O objetivo é fechar a negociação o mais rápido possível para afastar o rival Porto, que também demonstrou interesse em contar com Caio .

Leia também: Zico espera Kashima eliminando o Real Madrid: "Futebol não se vive de história"

Visualizar esta foto no Instagram.

⚽️🔥🙏🏿 Obrigado Senhor !

Uma publicação compartilhada por Caio Lucas (@7caiolucas) em

Pouco conhecido no Brasil, o meia de 24 anos passou pelas categorias de base do São Paulo, mas estreou profissionalmente pelo Kashima Antlers, do Japão, em 2014. Após boas atuações, se transferiu para o Al Ain, onde joga desde 2015.

Leia também: Pepe deixa o Besiktas e paga salários de funcionários do clube, diz jornal

Nesta terça-feira (18), Caio fez um dos gols dos árabes no empate em 2 a 2 contra o River Plate, na semifinal do Mundial de Clubes . O brasileiro marcou também nos pênaltis e ajudou o clube a conseguir a vaga na grande final do torneio.

    Leia tudo sobre: Futebol
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.

    Notícias Recomendadas