Tamanho do texto

Os dois clubes buscam seu primeiro título continental e disputam nesta quarta-feira (05), em Barranquilla, o primeiro jogo da grande final

Atlético-PR e Junior Barranquilla fazem a final da Sul-Americana
Reprodução / Conmebol
Atlético-PR e Junior Barranquilla fazem a final da Sul-Americana

Buscando um inédito título internacional, o Atlético-PR enfrenta nesta quarta-feira (05), em Barranquilla, na Colômbia, o Atlético Junior, no primeiro jogo da decisão da Copa Sul-Americana.

Leia também: Dirigente diz que Atlético-PR terá nova identidade visual. Cores podem mudar

Ambos os clubes buscam seu primeiro título continental. A equipe colombiana alcançou no máximo as quartas de final, enquanto o  Atlético-PR  conseguiu chegar nas semifinais.

O Junior Barranquilla chegou à decisão após ter derrotado três equipes da Argentina (Lanús, Colón e Defensa y Justicia) e o Independiente Santa Fé, também da Colômbia. No total, os "Tiburones" somam cinco vitórias, um empate e duas derrotas no torneio.

O Atlético, por sua vez, passou pelo argentino Newell's Old Boys, pelo uruguaio Peñarol, pelo venezuelano Caracas e pelos brasileiros Bahia e Fluminense. A equipe paranaense possui oito vitórias e dois empates, o melhor retrospecto da Sul-Americana .

Leia também: Punido pelo STJD, Atlético Paranaense volta a sinalizar apoio a Jair Bolsonaro

O Junior terá quatro desfalques na final, sendo o principal deles o atacante Teófilo Gutiérrez, expulso na semifinal contra o Santa Fé. Seu provável substituto será Yony González. Ao contrário do rival, o Atlético Paranaense entrará em campo com força máxima, e o técnico Tiago Nunes preferiu manter a base utilizada nos últimos confrontos.

O lateral Renan Lodi, o meia Lucho González e o atacante Marcelo estão pendurados. A partida decisiva será realizada no dia 12, na Arena da Baixada, no Paraná.

Prováveis escalações:

Junior Barranquilla - Viera; Piedrahita, Gómez, Pérez e Gutiérrez; Narváez, Sánchez e Cantillo; Barrera, Díaz e Yony González. Técnico: Julio Comesaña.

Leia também: Conmebol define Santiago, no Chile, como sede para a final da Libertadores 2019

Atlético-PR - Santos; Jonathan, Thiago Heleno, Léo Pereira e Renan Lodi; Lucho González, Bruno Guimarães e Raphael Veiga; Marcelo, Nikão e Pablo. Técnico: Tiago Nunes.

    Leia tudo sobre: Futebol

    Notícias Recomendadas

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.