Tamanho do texto

O canadense Adonis Stevenson perdeu o título mundial para o ucraniano Oleksandr e precisou ser hospitalizado após a luta em Quebec, Canadá.

Lutador Adonis (a esquerda) era o campeão mais longivo do boxe
AFP
Lutador Adonis (a esquerda) era o campeão mais longivo do boxe

O mundo do boxe tem um novo campeão mundial do meio-pesado. O ucraniano Oleksandr Gvozdyk venceu o canadense Adonis Stevenson na noite do último sábado em luta na cidade de Quebec.

Leia também:  Popó desmente vídeo em que Maguila pede para sair de clínica psiquiátrica

Porém, o título ficou em segundo plano com a notícia de que o lutador Adonis precisou ser hospitalizado depois da luta de boxe por conta do nocaute violento que recebeu do adversário no último minuto.

Imagens da Global News mostram o atleta cambaleando no ringue depois do golpe e mal conseguindo se levantar. Ele foi enviado de ambulância para o hospital, ainda consciente. Assista ao vídeo abaixo:

O promotor de Adonis, Yvon Michel, publicou em sua conta do Twitter sobre a condição do boxeador. “A família de Adonis está atualmente com ele. Eles querem dizer a seus amigos e apoiadores que Adonis está agora em estado crítico nos cuidados intensivos no hospital depois de sua luta contra Oleksandr Gvozdyk”.

Leia também:  Série de TV com produção do UFC mostra introdução das mulheres no MMA

Segundo o Jornal de Montreal , o lutador canadense de 41 anos foi colocado em coma induzido como medida preventiva por uma possível hemorragia cerebral.

Ontem, Yvon voltou a comentar sobre o estado de saúde de Adonis e disse que o lutador “está estável, em sedação controlada para facilitar sua recuperação”.

Adonis Stevenson nasceu em 1977 no Haiti e aos sete anos se mudou para o Canadá. Quando tinha 14 anos ingressou numa gangue violenta e teve diversas passagens pela polícia, passando quatro anos preso.

Iniciou sua carreira no boxe em 2004 e tem um registro de 32 lutas, 29 vitórias (sendo 24 por nocaute), duas derrotas e um empate. Detinha o título de campeão mundial pelo Conselho Mundial de Boxe (WBC) desde 2013 e foi eleito duas vezes o melhor médio-pesado do mundo pela revista Ring. Adonis é o campeão mais antigo e longo do reinado de boxe.

Leia também:  Anderson Silva diz que lutará por cinturão do UFC se vencer Israel Adesanya

Atual campeão do meio-pesado do boxe , o ucraniano Oleksandr Gvozdyk soma agora 16 vitórias, sendo 13 delas por nocaute.

    Notícias Recomendadas

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.