Marcinho
Vitor Silva/Botafogo
Marcinho

Ex-Botafogo , Marcinho declarou hoje em depoimento na 42ª delegacia da Polícia Civil, na Zona Oeste do Rio de Janeiro, ter atropelado um casal e ter fugido sem prestar socorro. O acidente aconteceu no último dia 30. O homem morreu no local do acidente e a mulher segue em estado grave no hospital.


Também nesta segunda, o pai de Marcinho, Sérgio Lemos de Oliveira , prestou depoimento e já havia confirmado o envolvimento do filho no caso.

Alexandre Silva de Lima morreu no local em função do acidente, e Maria José Cristina Soares foi encaminhada a um hospital, onde teve de passar por cirurgia.

"Hoje, nós tivemos a certeza de que quem estava dirigindo era o Marcio. Ele alegou que estava a 60 Km/h. Mas a gente tem de analisar o laudo pericial para confirmar esse dado. Ele alegou que estava dirigindo e um casal chegou na frente dele de forma repentina", declarou Alan Luxardo, delegado que investiga o caso.

O carro do jogador foi encontrado a 600 metros do ocorrido, batido e com os vidros quebrados.

Marcinho manteve um contrato com o Botafogo até o final do ano passado e não o renovou.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários