Clubes poderão voltar a treinar a partir do dia 1º de julho, informou Doria
Divulgação/Governo de SP
Clubes poderão voltar a treinar a partir do dia 1º de julho, informou Doria

O governo de São Paulo anunciou, nesta quarta-feira (17), em coletiva realizada no Palácio dos Bandeirantes, a liberação aos clubes de futebol para voltarem a treinar a partir do dia 1º de julho. O aval foi dado pelo Comitê de Contingência da Covid-19 em São Paulo, que analisava o protocolo apresentado pela Federação Paulista de Futebol na última semana.

Veja também:

"As regras acordadas pelo comitê de saúde e dialogadas com a federação paulista de futebol devem ser cobradas dos clubes que integram a série A1 [...] Entre as medidas que deverão ser adotadas estão testes regulares dos jogadores e comissão técnica, limitação de pessoas nos treinamentos, não presença de torcida, uso obrigatório de máscaras da comissão técnica, assim como medição de temperatura", disse Doria.

"Estes protocolos referem-se, apenas, aos retornos aos treinamentos. A retomada das partidas será avaliada em fases posteriores e sempre em conjunto com a FPF e a CBF", continuou.

Veja protocolo a ser seguido pelos clubes paulistas

Os envolvidos (atletas, comissão técnica e demais profissionais) serão testados antes do início das atividades e a cada mudança de fase de treinos;

Será obrigatório o uso de máscaras a todos, exceto aos atletas apenas durante as atividades físicas;

Haverá processo constante de educação e reforço sobre as medidas de prevenção ao contágio;

A retomada dos treinos respeitará as recomendações de distanciamento físico, iniciando com trabalhos individuais e ao ar livre;

Profissionais deverão ter equipamentos de hidratação individuais;

Todos envolvidos nos treinamentos deverão manter a rotina apenas de casa-treino-casa, mantendo o isolamento social.

    Veja Também

      Mostrar mais