Tamanho do texto

"As mesmas foram hostilizadas pela massa carcerária, sendo recebidas na unidade sob protestos e gritos de ‘ih fora!’", disse o documento

IstoÉ

Allana e Cristiana Brittes com roupas de detentas
Reprodução / Massa News
Caso Daniel: Allana e Cristiana Brittes são acusadas na morte do jogador

Cristiana e Allana Brittes, acusadas de envolvimento na morte do jogador Daniel, foram transferidas de ala por motivos de segurança . O ofício foi enviado na última segunda-feira (29) pela diretora da Penitenciária Feminina do Paraná, Alessandra Antunes do Prado.

Leia também: vídeo flagra Cris Brittes tentando dar "selinho" em rapaz na balada

As informações sobre as acusadas na morte do jogador Daniel são do G1.

"As mesmas foram hostilizadas pela massa carcerária, sendo recebidas na unidade sob protestos e gritos de ‘ih fora!’, além de ameaças contra suas integridades físicas, vindos da massa carcerária, especialmente da galeria D, onde se encontram presas de alta periculosidade, inclusive presas faccionadas", diz trecho do documento.

Leia também: Testemunha do caso Daniel acusa jogador de assédio em balada

Segundo a diretora, a inspetora tomou esta decisão para evitar que elas fossem expostas em perigo e agitasse as demais presas.

Leia também: Vídeo mostra o jogador Daniel sendo empurrado na balada antes de ser morto

O advogado de Cristiana e Allana Brittes disse em nota que a defesa teme pela integridade física de ambas. Já os representantes da família de  Daniel não se pronunciaram.

    Leia tudo sobre: Futebol