Tamanho do texto

Levantamento aponta uma diferença de valores nas camisas dos clubes que estão entre os 10 primeiros e aqueles que estão na zona de rebaixamento

Líder do Campeonato Brasileiro, São Paulo é um dos poucos times que não tem variação no preço das camisas
Divulgação
Líder do Campeonato Brasileiro, São Paulo é um dos poucos times que não tem variação no preço das camisas

De acordo com uma pesquisa realizada pelo site  Cuponomia , portal que reúne ofertas e cupons de desconto para compras no e-commerce, o preço das camisas dos times que ocupam as dez primeiras posições no campeonato brasileiro, aumentaram em até 40% , aproximadamente, nos últimos dois meses.

Leia também:  Confusão na Copa do Brasil acirra ânimos para próximo Palmeiras e Cruzeiro

O levantamento da empresa considerou os menores preços das camisas de clubes oferecidos no e-commerce durante o período. A camisa do Palmeiras (vice líder do Campeonato), por exemplo, no modelo Torcedor I 2018/19 que, em agosto, podia ser encontrada nas lojas online por R$ 206,99, atualmente, é vendida por R$ 249,90.

O uniforme oficial do Internacional, de Porto Alegre, que chegou a valer R$ 180,00 no mês passado, hoje, é encontrada nas lojas online por R$ 199,90, com o time em terceiro na tabela. Outro destaque é o valor da camisa do Fluminense, clube que subiu uma posição na tabela nesta última rodada, o preço passou de R$ 104,99 para R$ 143,99 no final de setembro. O maior aumento de preço registrado pela pesquisa.

O dado curioso do levantamento é que o preço da camisa Torcedor I do São Paulo, líder do Brasileirão, não teve grande alteração no período analisado pela empresa. Em agosto a peça valia R$ 249,00 e, na última semana, o valor subiu apenas R$ 0,90. Do Top 10, a camisa do Atlético Mineiro e do Atlético Paranaense também não teve variação.

Leia também:  Santos encara Vasco e Cuca quer 'reiniciar sequência positiva' no Brasileiro

O levantamento, realizado pelo portal, também mostra que as camisas dos clubes fora da zona de classificação para a Libertadores da América e da Copa Sul-americana, como é o caso do Bahia, Vasco da Gama e Chapecoense, podem ser encontradas com preço até 50% menor, em comparação com o valor das camisas dos primeiros colocados da tabela.

Os preços das camisas foram checados no período 1 de agosto a 25 de setembro de 2018 e estão sujeitos a alteração sem aviso prévio dos fornecedores.

E as camisas de futebol de grandes clubes europeus?

Uniforme 10  do PSG, de Neymar, é uma das camisas mais vendidas no Brasil
PSG
Uniforme 10 do PSG, de Neymar, é uma das camisas mais vendidas no Brasil

No início do ano, a Cuponomia fez um levantamento sobre os pedidos de camisas de times europeus no Brasil . De acordo com a pesquisa, o aumento na procura desse produto foi de 200% em apenas 30 dias.

O período de análise foi no ínicio da fase mata-mata da Liga dos Campeões. Devido a internacionalização do campeonato, as camisas mais vendidas foram do brasileiro Neymar, que defende o Paris Saint-Germain, seguido do uniforme do Barcelona, Real Madrid e Juventus.

Leia também:  Recuperado de lesão, Bruno Peres se coloca à disposição no São Paulo

Por região, o estudo indicou que o clube merengue é o preferido dos torcedores do Sudeste e Centro-Oeste do Brasil. As camisas de futebol mais vendidas no Sul e no Nordeste do país são do Paris Saint-Germain. Já no Norte, o craque argentino Lionel Messi, do Barcelona, é o líder em vendas.

    Leia tudo sobre: Futebol
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.