Tamanho do texto

Por 3 a 1 e fora de casa, o Palmeiras venceu o Furacão rubro-negro e anotou sua segunda vitória no Campeonato Brasileiro de 2018

Palmeiras venceu o Atlético-PR na Arena da Baixada por 3 a 1
Reprodução
Palmeiras venceu o Atlético-PR na Arena da Baixada por 3 a 1

Na Arena da Baixada, o Atlético-PR recebeu o Palmeiras pela quarta rodada do Campeonato Brasileiro . Ambos os times contavam com dois empates e uma vitória na competição. Logo nos primeiros minutos de bola rolando, Roger Machado precisou mexer na equipe paulista e colocou Lucas Lima no lugar de Moisés, que sentiu dores na coxa.

Leia também: Corinthians e Ceará empatam na Arena e deixam o placar em 1 a 1

Aos oito minutos, Felipe Melo e Matheus Rossetto levaram cartão amarelo por conta de um desentendimento dentro da área antes de uma cobrança de falta. Com a advertência, o jogador do Palmeiras vai ficar de fora da próxima partida do Brasileirão, no próximo domingo (13), contra o Corinthians, pela quinta rodada.

O time da casa buscou seu espaço e pressionou consecutivamente. Aos 17, viu Camacho tentar uma jogada na área, que foi impedido pela zaga palmeirense. Três minutos depois, Matheus Rosseto arriscou de longe, mas Jailson mandou para o escanteio. Insistente, o lateral direito mais uma vez chutou de fora da área, mas a bola foi para a linha de fundo.

Com maior passe de bola, o Atlético-PR continuou pressionando e tendo mais chances de gol, com Carleto aos 28 e Pablo aos 30. Aos 36 minutos, Felipe Melo deu o primeiro grande susto do Verdão. De fora da área, o meia deu chutão mas a bola passou perto da trave e foi para fora.

O primeiro gol do jogo saiu somente aos 43, com passe de Keno para Bruno Henrique, que abriu o placar para os visitantes e deixou em 1 a 0. Nos acréscimos, o Palmeiras ainda deu outro susto com Lucas Lima, mas que chutou novamente para fora.

Na volta do intervalo, o jogo começou mais ameno, com tentativas do Atlético de encontrar um espaço para o empate, mas o Palmeiras marcava forte. Aos 14 minutos, Marcos Rocha pegou um rebote de chute de Dudu e ampliou o placar em 2 a 0. Foi o primeiro gol do lateral direito com a camisa do Verdão.

Mesmo depois de levar o segundo gol o Atlético-PR não se intimidou e continou buscando a marcação. De cabeça, Pablo quase marcou o primeiro do clube do Paraná, mas o goleiro palmeirense salvou. No entanto, o jogo seguiu com maiores dificuldades para os locais, já que a zaga dos visitantes se fechou.

Aos 39, Hyoran tocou para Willian, que marcou o terceiro gol do Palmeiras. Cinco minutos depois, Jonathan encontrou Pablo, que chutou na rede de Jailson e diminuiu o placar em 3 a 1. Nos acréscimos, Hyoran ainda tentou fazer o dele, mas foi impedido por Santos minutos antes do juiz dar o apito final.

Flamengo x Internacional

Flamengo x Internacional
Reprodução
Flamengo x Internacional

No Maracanã, o primeiro tempo foi basicamente de muito ataque do time da casa e muita defesa da equipe gaúcha. A partida contou com a volta de Paolo Guerrero pelo clube carioca, que começou no banco. O segundo tempo não foi muito diferente, mas para o delírio da torcida, contou com a entrada do atacante peruano no lugar de Henrique Dourado. A última partida de Guerrero com a camisa do Fla tinha sido em 19 de outubro do ano passado. Aos 22 minutos ele ainda cobrou uma falta que deu um susto em Danilo Fernandes, mas passou raspando na trave.

Aos 25, Paquetá cobrou uma falta, que bateu na barreira, mas no rebote, marcou o primeiro gol da partida pelo time da casa. O Inter quase não tocou na bola e ainda contou com a expulsão de William Pottker aos 33 minutos, depois de gerar confusão. Aos 41, Éverton Ribeiro aumentou o placar, que terminou em 2 a 0 para o Flamengo.

Leia também: Saiba o verdadeiro motivo que fez Neymar trocar o Barcelona pelo PSG

Cruzeiro x Botafogo

Dedé comemora gol do Cruzeiro
Reprodução
Dedé comemora gol do Cruzeiro

No Mineirão, o Cruzeiro venceu o Botafogo por 1 a 0. Os dois times começaram com algumas chances de gol e na metade do primeiro tempo, o clima esquentou entre Dedé e Gilson. Os jogadores precisaram ser interrompidos pelos colegas de equipe. O único gol da partida saiu somente depois do intervalo, com Dedé de cabeça aos 26, após cobrança de escanteio de Arrascaeta. Foi a primeira marcação e a primeira vitória do Cruzeiro no  Brasileirão de 2018.

Leia também: "Mbappé queria ir para o Real Madrid ou para o Barça", garante técnico do PSG

Vitória x Fluminense

Vitória x Fluminense
Reprodução
Vitória x Fluminense

No Barradão o clima era de sol mas uma chuva forte tomou conta do estádio nos primeiros minutos da partida, mas logo passou. Aos 20 minutos, Neílton abriu o placar em 1 a 0 para o Vitória depois de um cruzamento de Jeferson.

No segundo tempo, o time da casa se manteve na defensiva e viu Pablo Dyego empatar aos 27 minutos para o Flu e aos 40, Gilberto fez o segundo dos visitantes, virando o placar em 2 a 1. O Vitória não ganhou ainda nenhuma partida no Campeonato Brasileiro de 2018, e do outro lado, o Fluminense anotou três pontos, assim como o Palmeiras, Flamengo e Cruzeiro.

    Leia tudo sobre: futebol
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.