Tamanho do texto

Aos 30 anos, Aaron Lennon não entra em campo desde 11 de fevereiro e segundo o clube, o jogador "sofre de um distúrbio ligado ao estresse"

Aaron Lennon, meia do Everton
Reprodução
Aaron Lennon, meia do Everton

O meia do Everton, Aaron Lennon, foi internado em um hospital psiquiátrico depois de ter sido encontrado pela polícia local inglesa vagando em estado de "confusão mental" por uma movimentada estrada em Salford, no noroeste da Inglaterra.

LEIA TAMBÉM: Árbitro se lesiona na A2, é substituído e sai do campo de ambulância; assista

A notícia da internação foi divulgada nesta quarta-feira (3), três dias após o jogador ter sido encaminhado ao hospital. De acordo com o jornal "The Sun", a situação do meia de 30 anos é preocupante e ele deve permanecer internado.

Apoio

No Twitter, o Everton agradeceu as mensagens de apoio enviadas ao atleta. "Obrigada por todas as mensagens carinhosas para Aaron. Nós estamos o apoiando para ele superar isso e sua família pediu privacidade neste momento", publicou o clube. 

LEIA TAMBÉM: Jogadora sobre ataque de tubarão: "Estou feliz por ter acontecido comigo"

Nas redes sociais, outros jogadores também demonstraram solidariedade a Lennon. O ex-Liverpool, Stan Collymore, que já teve depressão, escreveu: "Pensamentos e amor estão com Aaron Lennon e sua família agora. Eu conheço este lugar e eu sei que ele ficará bem com todo o suporte de nós".

Jermain Defoe, ex-companheiro de Lennon no Tottenham Hotspur, fez uma postagem com uma série de fotos dos dois. "Pensando em você Aaron Lennon. Fique forte e eu vou te ver em breve. Deus te abençoe".

A página oficial do Tottenham, time no qual o jogador defendeu por dez anos, de 2005 a 2015, escreveu: "Fique bem logo Aaron Lennon, nós estamos pensando em você".

LEIA TAMBÉM: Totti se aposenta do futebol ao final da temporada, confirma diretor da Roma

O meia iniciou a carreira no Leeds United em 2003, quando em 2005 foi para o Tottenham. O local da cidade de Chapeltown é contratado pelo Everton desde 2015.  De acordo com uma nota divulgada pelo clube, Lennon não entra em campo desde 11 de fevereiro e "sofre de um distúrbio ligado ao estresse".

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.