Kobe em ação pelo Lakers
Reprodução
Kobe em ação pelo Lakers

O Los Angeles Lakers não fará homenagens ao ídolo  Kobe Bryant, cuja morte completa um ano nesta terça-feira. Segundo a imprensa americana, a franquia entende a perda como muito recente e prefere evitar maiores emoções em relação à tragédia, que ainda causa muita tristeza em Los Angeles.

O técnico Frank Vogel liberou os jogadores na tarde desta terça-feira por conta da data. Na segunda-feira, quando os Lakers bateram o Cleveland Cavaliers por 115 a 108, a franquia preferiu evitar qualquer homenagem formal e não utilizou o uniforme 'Mamba edition', em homenagem ao camisa 24. A postura deve se manter na quarta-feira, contra o Philadelphia 76ers.

Outro ponto observado pela franquia é a briga judicial ao redor do acidente. A viúva de Kobe, Vanessa Bryant, segue processando a Island Express Helicopters, empresa responsável pelo helicóptero que levava o astro no dia da queda. As famílias de outras vítimas do acidente também ingressaram com ações na Justiça americana, bem como a família do piloto, Ara Zobayan.

O acidente de helicóptero, ocorrido no dia 26 de janeiro de 2020, vitimou Kobe, sua filha Gianna, de apenas 13 anos, e outras sete pessoas. A aeronave caiu em uma região de mata em Calabasas, na Califórnia.

    Leia tudo sobre: NBA

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários