Tamanho do texto

Contra o Cavaliers, o armador esloveno foi destaque e se tornou o 4º mais jovem a marcar em duas partidas consecutivas mais do que 35 pontos

Luka Doncic tem batido recordes na NBA
Getty Images
Luka Doncic tem batido recordes na NBA

Quem para Luka Doncic? O armador do Dallas Mavericks atingiu mais uma marca história na atual temporada da NBA. Na vitória contra o Cleveland Cavaliers por 111 a 98, neste sábado, o esloveno se tornou o sétimo jogador a marcar mil pontos antes de completar 20 anos.

Leia também:  Em aquecimento para Super Bowl LIII, Tom Brady vira Thanos em animação

Acima de Luka Doncic estão apenas LeBron James, Kobe Bryant, Kevin Durant, Devin Booker, Carmelo Anthony e Dwight Howard. Concorrendo a novato do ano, Luka Doncic marcou 35 pontos na partida, sendo 18 apenas no primeiro quarto, pegou 11 rebotes e deu seis assistências.

Os pontos contra o Cavs também credenciam o armador a se tornar o quarto ‘adolescente’ na NBA a fazer vários jogos com 35 pontos, se juntando a LeBron James, Carmelo e Durant.

No meio da semana passada, o jogador foi escolhido como o melhor novato do mês de janeiro, repetindo as premiações de novembro e dezembro. Apesar das boas atuações e marcas históricas sendo batidas, Doncic não estará no All-Star Game , nos dias 16 e 17 de fevereiro.

Leia também:  'Boxing For You', o evento que marca o renascimento do boxe no Brasil. Veja

E quem também brilhou na noite de sábado na NBA foi ‘O Barba’. Na partida contra o Utah Jazz, vencida pelos Rockets por 125 a 98, James Harden marcou 44 pontos, pegou 12 rebotes e deu cinco assistências.

James Harden fez 44 pontos contra o Utah Jazz. Diferente de Luka Doncic, 'o barba' estará no jogo das estrelas em fevereiro
Getty Images
James Harden fez 44 pontos contra o Utah Jazz. Diferente de Luka Doncic, 'o barba' estará no jogo das estrelas em fevereiro

A atuação de Harden rendeu elogios de seus companheiros de equipe, Gerald Green fez questão de exaltar o momento do colega. “Ele está nos levando na direção certa. Nosso trabalho é deixa-lo liderar e segui-lo nisso. Ele nos levará para onde precisamos ir”, disse.

Em sexto na Conferência Oeste da NBA , o treinador do Houston, Mike D'Antoni comentou sobre o jogo. “Foi uma vitória obrigatória para nós e viemos para cá e jogamos como ele. Defensivamente, nós conseguimos depois disso. Ofensivamente, nós mudamos a bola de basquete. Todo mundo jogou bem”, exaltou.

Leia também:  Kobe, Messi ou Tom Brady? Quem é o maior esportista de todos os tempos?

Diferente de Luka Doncic , James Harden estará no jogo das estrelas daqui duas semanas.

    Leia tudo sobre: NBA