A pilota alemã Sophia Floersch, 17 anos, passou por uma cirurgia que durou 11 horas por conta de uma fratura na sétima vértebra cervical, após se acidentar durante o GP de Macau de Fórmula 3 , e passa bem. Em seu perfil no Instagram, ela agradeceu as mensagens de apoio que recebeu nos últimos dias.

undefined
Reprodução
A pilota alemã Sophia Floersch agradeceu o apoio dos fãs após 11 horas de cirurgia

"Eu sobrevivi à operação, que levou 11 horas. Tomara que de agora em diante as coisas melhorem, mas ainda preciso ficar alguns dias em Macau até que esteja pronta para ser transportada. Gostaria de agradecer a todos os fãs por cada desejo de melhoras, os quais estou lendo agora. Eles me motivam e me encorajam. Meus pensamentos também estão com todos aqueles envolvidos no acidente", escreveu a pilota .

"Torço para que todos estejam bem. Tive ajuda de muitas pessoas boas no acidente, que ainda seguem na minha mente. Obrigado pelas palavras tranquilizantes e encorajadoras naqueles minutos tensos dentro do carro. Obrigado à equipe médica de Macau pelo tratamento amigável e profissional, e pelo time de resgate da FIA, ao meu time e à FIA. Também gostaria fazer um agradecimento especial ao doutor Riccardo Ceccarelli", acrescentou.

Leia também: Organizadores planejam mudanças para o calendário da Fórmula 1. Saiba quais

Durante o Grande Prêmio de Macau de F3 , a jovem pilota não desviou do carro de Jehan Deravula, que freou antes do normal por conta de uma bandeira amarela, e perdeu o controle do carro, decolando sobre o de Sho Tsuboi e batendo em um alambrado e um posto de fotógrafos (assista ao momento no vídeo mais abaixo).

Sophia Floersch fraturou a espinha e Tsuboi foi internado com dor lombar. O fiscal Chan Cha In teve uma laceração do rosto, abrasão da parede do abdome superior e mandíbula fraturada. O fotógrafo Chan Weng Wang sofreu uma laceração do fígado e o também fotógrafo Hiroyuki Minami sofreu uma concussão. Todos passam bem.

Leia também: Em carta, esposa de Schumacher diz que ex-piloto é lutador e não desistirá

De acordo com a FIA (Federação Internacional de Automobilismo), a alemã estava consciente quando foi socorrida. "A pilota está consciente e foi levada para o hospital para melhor avaliação", informou a entidade em nota.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      Comentários