Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Palmeiras leva susto no começo, busca a virada e elimina jogo da volta

O zagueiro Leandro Amaro marcou dois gols na vitória de 3 a 1 contra o Horizonte, pela segunda fase da Copa do Brasil

iG São Paulo |

Comandado pelo zagueiro Leandro Amaro, o Palmeiras mostrou poder de reação e venceu o Horizonte por 3 a 1, nesta quarta-feira, no Estádio Horácio Domingos de Sousa, no Ceará. Após sair perdendo no começo do primeiro tempo, a equipe do Palestra Itália virou com dois gols de Leandro Amaro e eliminou a partida de volta com gol de Maikon Leite.

Deixe o seu recado e comente a notícia com outros torcedores

Agora, nas oitavas de final da Copa do Brasil, o time do técnico Luiz Felipe Scolari enfrenta o vencedor do duelo entre Ceará e Paraná. Pelo Campeonato Paulista, o Palmeiras joga no próximo domingo, contra o Guarani, em Campinas.

Veja também: Botafogo vira sobre o Guarani, mas não elimina o jogo de volta


O jogo:

Mesmo atuando fora de casa, o Palmeiras começou a partida pressionando o Horizonte. Aos cinco minutos, João Vítor cruzou na área e Daniel Carvalho testou para fora. Pouco depois, Barcos arriscou a bomba de fora da área e obrigou o goleiro Jefferson a mandar para escanteio.

Apesar do bom começo de jogo da equipe do técnico Luiz Felipe Scolari, o Horizonte abriu o placar em sua primeira jogada de ataque. Aos 17 minutos, João Paulo cruzou na área, a zaga do Palmeiras afastou mal e Mateus mandou para o fundo da rede: 1 a 0.

Quando a torcida do Horizonte ainda comemorava o primeiro gol do jogo, Marcos Assunção quase deixou tudo igual aos 20 minutos. O volante palmeirense bateu falta e acertou o travessão.

Leia mais: Polícia prende integrantes de organizadas do Palmeiras e Corinthians

Melhor em campo, o Palmeiras criou outra boa chance aos 31 minutos. Daniel Carvalho tocou de letra para Cicinho e o lateral chutou para fora. Aos 35, enfim, saiu o gol de empate. Marcos Assunção bateu escanteio e Leandro Amaro testou no canto: 1 a 1.

Depois do gol de empate, o time paulista seguiu buscando o ataque, mas não conseguiu virar o placar antes do fim da primeira etapa.

No segundo tempo, o Horizonte atacou mais e criou a primeira chance de perigo. Aos sete minutos, Vagner bateu falta e o goleiro Deola precisou espalmar para fora devido à força do chute.

Diferente da primeira etapa, quando criou várias oportunidades, o Palmeiras começou o segundo tempo errando muitos passes e não ameaçou a meta defendida por Jefferson.

Confira ainda: Notícias e fotos do Palmeiras

Insatisfeito com o desempenho do time, Felipão promoveu as entrada dos atacantes Maikon Leite e Ricardo Bueno nas vagas de Barcos e Wesley.

A mudança surtiu efeito aos 22 minutos. Maikon Leite fez boa jogada pela esquerda e sofreu falta perto da área. Em lance parecido com o primeiro gol, Marcos Assunção levantou e Leandro Amaro desviou para fazer seu segundo gol na partida: 2 a 1.

Apenas quatro minutos depois, a equipe do Palestra Itália ampliou. Maikon Leite recebeu na entrada da área, tabelou com Ricardo Bueno e chutou no ângulo, sem chance para o goleiro: 3 a 1.

Com a vantagem no placar suficiente para eliminar o jogo de volta, os visitantes diminuíram o ritmo e administraram o resultado até o apito final do árbitro.

FICHA TÉCNICA
HORIZONTE-CE 1 X 3 PALMEIRAS

Local: Estádio Horácio Domingos de Sousa, em Horizonte (CE)
Data: 4 de abril de 2012, quarta-feira
Horário: 21h50 (de Brasília)
Árbitro: Wilton Pereira Sampaio (GO)
Assistentes: Fábio Pereira (TO) e Marco Mello Moreira (GO)
Cartões amarelos: Mateus, Douglas (Horizonte). Marcos Assunção, Juninho, Barcos (Palmeiras)
GOLS: Mateus aos 17  e Leandro Amaro aos 35 minutos do 1º tempo; Leandro Amaro 22 e Maikon Leite aos 26 do 2º tempo

HORIZONTE-CE: Jefferson; João Paulo (Jean), Douglas, Albano e Jhony; Válter, Mateus, Rafael Tchuca (Da Silva) e Elanardo (Vanderlei); André Cassaco e Vanger
Técnico: Roberto Carlos

PALMEIRAS: Deola; Cicinho, Leandro Amaro, Henrique e Juninho; Márcio Araújo, Marcos Assunção, João Vitor, Wesley (Maikon Leite) e Daniel Carvalho (Pedro Carmona); Barcos (Ricardo Bueno)
Técnico: Luiz Felipe Scolari

 

Leia tudo sobre: PalmeirasHorizonteCopa do Brasil 2012

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG