Isaquias Queiroz é um dos medalhistas brasileiros atletas do Flamengo
Divulgação/Clube de Regatas do Flamengo
Isaquias Queiroz é um dos medalhistas brasileiros atletas do Flamengo

Se fosse um país, o Flamengo terminaria os Jogos de Tóquio em 38º lugar empatado com o Equador, mas na frente de Argentina, Portugal e todas as demais nações sul-americanas, com exceção do Brasil. Atletas rubro-negros conquistaram três medalhas na Olimpíada, sendo duas de ouro e uma da prata.


A ginasta Rebeca Andrade, no clube desde 2011, brilhou em solo japonês e voltará ao Brasil com um ouro e uma prata, obtidos na prova do salto e no individual geral, respectivamente. Já Isaquias Queiroz, que chegou ao Flamengo em 2019, foi campeão olímpico na prova da canoagem C1 1.000m e se tornou o terceiro maior medalhista do Brasil.

Rebeca Andrade, ginasta do Flamengo, conquistou medalhas de prata e ouro em Tóquio
COB
Rebeca Andrade, ginasta do Flamengo, conquistou medalhas de prata e ouro em Tóquio

Nas redes sociais, torcedores rubro-negros brincaram com a situação e fizeram memes com os "hermanos" argentinos, que amargaram a 72ª colocação com apenas uma prata e dois bronzes. Alguns ainda tentaram requisitar os pódios do futebol masculino e do vôlei, devido à participação do meia Reinier, revelado na Gávea e emprestado ao Borussia Dortmund pelo Real Madrid, e da jogadora de vôlei Ana Cristina, que atuou pelo Sesc-Flamengo na última temporada, mas foi contratada pelo Fernebahçe Opet, da Turquia.

Depois de conquistar a tão sonhada medalha de ouro na canoagem, Isaquias Queiroz agradeceu ao Flamengo e à nação rubro-negra.

Você viu?

"Nação rubro-negra, é nosso. O ouro é nosso, estou levando para casa. Obrigado pelo apoio, eu queria muito isso. Tinha medalha de ouro como campeão mundial pelo Flamengo e agora sou medalhista olímpico representando o Flamengo também", disse Isaquias em entrevista ao SporTV após receber a medalha.

No Twitter, o Flamengo também comemorou a medalha do atleta.

"1, 2, 3… 4! Agora são quatro medalhas olímpicas para o nosso Isaquias. RECORDISTA!", escreveu a conta oficial do clube, exaltando as outras três medalhas que Isaquias conquistou na Rio-2016.

Antes, o clube carioca já havia celebrado as conquistas de Rebeca Andrade, afirmando que ela fez o Brasil se emocionar.

"Foram três cirurgias e inúmeras superações diárias para chegar aos Jogos na última oportunidade. Uma dedicação sem fim em busca do seu sonho e o de todos nós. Você fez o mundo inteiro se encantar com nosso país, com sua graça e felicidade em cada movimento", publicou o Flamengo.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários