Tamanho do texto

Aos 26 anos, surfista californiana foi campeã da sexta etapa do circuito mundial feminino de surfe e subiu três posições no ranking da elite

Sage Erickson nasceu em 28 de dezembro de 1990
Reprodução/ Stab Magazine
Sage Erickson nasceu em 28 de dezembro de 1990

Natural da cidade californiana de Ojai, no condado de Ventura, aos 9 anos de idade a família de Sage Erickson se mudou para o Havaí e dois anos depois, ela aprendeu a surfar. Começou a participar de campeonatos aos 14 e não muito tempo depois se profissionalizou, ingressando no tour feminino do circuito mundial.

LEIA TAMBÉM: Três jovens promessas do surfe brasileiro para ficar de olho em 2017

Campeã da sexta etapa da temporada de 2017, Sage Erickson subiu no lugar mais alto do pódio em Huntington Beach. Com a vitória do Vans US Open of Surfing, a californiana agora ocupa o sexto lugar do ranking feminino da elite do esporte.

"Eu sinto que vinha trabalhando muito duro para ter um momento como este", disse ao ser coroada a vencedora do campeonato. "Tem algo muito especial neste evento. Eu estava bem confortável e só crescendo. Não posso acreditar que estou aqui. Eu não sou a campeã do mundo, é apenas o US Open , mas ainda assim parece que era o mundial, então vou comemorar dessa forma. Eu não poderia estar mais orgulhosa de ser de um lugar como os Estados Unidos. Você pode sentir toda a energia e o apoio de todas as pessoas da praia. É incrível ter minha primeira vitória em casa aqui na Califórnia e ainda mais num lugar como Huntington".

Mas não é só pelo surfe que ela chama a atenção. Com 1,70 m de altura, a beleza da atleta de 26 anos já fez com que fosse, inclusive, eleita pela revista "Playboy" como a surfista mais sexy do tour.

"Quando eu descobri que era a número um no ranking das surfistas mais bonitas de acordo com a Playboy, eu gostei... Porque eu estava vestida! Eu achei isso bem legal", disse em entrevista ao canal "Woohoo".

"Eu sei que temos que ter orgulho de mostrar o que fazer, mas sem buscar apenas atenção. Mas sim porque somos confiantes e confortáveis com nós mesmas e seguras e queremos passar isso para meninas mais novas que surfam. Seja segura com o corpo que você tem", explicou a surfista .

LEIA TAMBÉM: Surfista congela a barba em onda a quase zero grau; confira

Veja fotos:

Seu irmão mais velho, Noah, é o treinador e enquanto não está viajando o mundo, está em sua cidade natal, Ventura, onde atualmente reside. Para manter o corpo apto para a prática do surfe, a californiana faz pilates e body combat.

LEIA TAMBÉM: Kelly Slater polemiza ao pedir morte de tubarões; veja o porquê

"Eu adoro me arrumar, me maquiar, fazer meu cabelo, me vestir bem... No passado o surfe era um esporte masculino, mas se você reparar é um esporte sexy e feminino. Eu realmente me preocupo com a minha pele e tudo o mais", completou Sage Erickson.

    Leia tudo sobre: surfe
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.