Tamanho do texto

Jovem identificado como Kyle Adam Maraghy agrediu senhor na arquibancada durante partida do Carolina Panthers e Philadelphia Eagles

Partida da NFL foi marcada por cena lamentável de agressão a senhor de 62 anos
Reprodução
Partida da NFL foi marcada por cena lamentável de agressão a senhor de 62 anos

Uma cena lamentável marcou a partida entre Carolina Panthers e Philadelphia Eagles pela quinta rodada da temporada 2017/2018 da NFL. Enquanto o jogo rolava dentro de campo do estádio Bank of America, na cidade de Charlotte, um torcedor agrediu um senhor que estava sentado na arquibancada.

LEIA TAMBÉM: Jogador faz promessa de não fazer sexo com namorada até fim da temporada da NFL

Um dos demais torcedores presentes no local, filmou a cena e o vídeo se tornou viral na internet e na imprensa esportiva dos Estados Unidos. Nas fortes imagens, um jovem dá quatro socos no homem que estava sentado atrás dele. Ambos eram adeptos à franquia da NFL de Carolina do Norte. O agressor foi contido e retirado do local.

Assista o vídeo:

LEIA TAMBÉM: Jogador da NFL dá resposta machista à jornalista e gera polêmica; confira

Segundo as testemunhas, o jovem estava acompanhado de sua mãe na arquibancada , quando o senhor pediu para que eles se sentassem e assim, não atrapalharem a visão do jogo. A partir daí, um desentendimento deu início à briga, que terminou em agressões não só físicas, mas também verbais. 

O Departamento de Polícia de Charlotte identificou o suspeito como Kyle Adam Maraghy e na conta oficial do Twitter, anunciou que o homem foi preso e acusado de agressão . Segundo informações, a vítima tinha 62 anos de idade e como foi possível ver nas imagens, os socos deixaram marcas de sangue em seu rosto.

LEIA TAMBÉM: Assistente de franquia da NFL se demite após vídeo cheirando pó branco; assista

Posicionamento da franquia

A repercussão foi tanta que até mesmo a diretoria do Carolina Panthers emitiu um comunicado sobre o caso. “Vimos as imagens do incidente e identificamos o agressor. Estamos trabalhando com o departamento de polícia para denuncia-lo e fazer com que a lei seja seguida. O Carolina Panthers está comprometido com um ambiente de amizade no estádio. O comportamento exibido pelo agressor é inaceitável e não será aceito no Bank of America", disse a franquia da NFL.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.