Tamanho do texto

Treinador estaria insatisfeito com decisões da CBF e presidente já teria dois substitutos: Renato Gaúcho (Grêmio) e Mano Menezes (Cruzeiro)

tite
Reprodução / Mowa Press
Tite pode fazer o último jogo com a seleção brasileira no próximo domingo

Tite pode estar de saída do comando da seleção brasileira masculina. De acordo com o jornalista Juca Kfouri, o treinador está insatisfeito com algumas atitudes da Confederação Brasileira de Futebol.

Leia também:  Por erros de juiz, Argentina pede anulação de jogo contra o Brasil e novo duelo

“O Tite ficou insatisfeito com a CBF e com a decisão de não manter mais uma comissão técnica fixa. Como todos sabem, o Tite teve o estranho privilégio de escolher o seu chefe, de escolher o Edu Gaspar, e não teria mais essa prerrogativa”, disse o jornalista durante uma participação na ESPN Brasil .

Kfouri teve essas informações de “gente muito próxima do Tite”. A insatisfação seria por perder toda a comissão técnica, com quem trabalha desde os tempos de Corinthians em 2016.

O auxiliar Sylvinho e o analista de desempenho Fernando Lázaro deixarão a seleção brasileira após a final da Copa América para trabalharem no Lyon, da França. O coordenador de seleções, Edu Gaspar, irá assumir o cargo de dirigente no Arsenal.

Porém, se a seleção brasileira conquistar o nono título da Copa América, e primeiro da ‘era Tite’, o treinador pode mudar de ideia. “A vitória poderia mudar a cabeça do Tite, mas o Cabloco (presidente da CBF ), já está procurando substitutos que seriam Renato Gaúcho (do Grêmio) ou Mano Menezes (do Cruzeiro)”, afirmou.

Leia também:  William tem lesão constatada e não jogará a final da Copa América

Ninguém da CBF confirma publicamente o assunto, mas resta saber se Tite realmente sairá após a partida de domingo (07) contra o Peru, no Maracanã.