Tamanho do texto

Novo nome selecionado por Tite para amistosos antes da Copa do Mundo de 2018 teve grande repercussão nas redes sociais

Ismaily, lateral brasileiro do Shakhtar Donetsk, foi chamado por Tite
Site oficial
Ismaily, lateral brasileiro do Shakhtar Donetsk, foi chamado por Tite

Diante do corte de Alex Sandro, da Juventus, que sofreu uma lesão muscular, Tite fez uma nova convocação para os amistosos da seleção brasileira contra a Rússia e Alemanha. Trata-se de Ismaily, lateral esquerdo do Shakhtar Donetsk, de 28 anos de idade. O jogador do Mato Grosso do Sul é uma surpresa, já que seu nome nunca foi cogitado para nenhum outro chamado do treinador.

Leia também: Alex Sandro é cortado da seleção e Tite convoca o lateral Ismaily. Você conhece?

Assim sendo, a convocação de Ismaily gerou alvoroço na internet. Nas redes sociais, diversas postagens sobre o lateral foram feitas. Alguns questionavam quem é o jogador e outros relacionavam a escolha de Tite pelo fato do atleta estar na Ucrânia, país próximo à Rússia. Um fato é, impossível não relacionar o nome do jogador com a palavra em inglês "smiley", que tem a mesma pronúncia e significa "sorridente", em português.

Leia também: Vazam imagens das supostas camisas do Brasil para Copa do Mundo

Confira as reações dos internautas:

































Leia também: Preparador físico da seleção brasileira vê "lado bom" em lesão de Neymar

Veja o comunicado da CBF 

A comissão técnica da seleção brasileira convocou nesta tarça-feira (20) o lateral-esquerdo Ismaily, do  Shakhtar Donetsk  (Ucrânia). Ismaily substituirá Alex Sandro. O atleta da Juventus (Itália) queixou-se de um desconforto após o primeiro treino da Seleção em Moscou. Acompanhado do médico da Seleção, Rodrigo Lasmar, realizou exames na noite de ontem e foi constatada uma lesão muscular na coxa direita que o impossibilita de se recuperar a tempo para os jogos contra Rússia e Alemanha.

Dentre as observações in loco da comissão técnica, Ismaily foi acompanhado pelo técnico Tite e pelo coordenador Edu Gaspar em dezembro de 2017 e pelos analistas Fernando Lázaro e Matheus Bachi em fevereiro deste ano.


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.