Médico investigado pela morte de Maradona se pronuncia
Reprodução
Médico investigado pela morte de Maradona se pronuncia

Leopoldo Luque, médico neurocirurgião que acompanhou de perto os últimos momentos de Maradona, reapareceu essa semana. Luque é apontado por familiares do craque argentino por ser um dos r esponsáveis pela morte de Diego.


Em entrevista ao programa argentino ‘Polémica en el Bar’,  Mario Baudry, atual noivo da ex-mulher de Maradona, Verónica Ojeda, e advogado de Diego Fernando, filho mais novo do falecido craque, falou sobre a má gestão de Luque em relação ao ambiente em que Maradona vivia e que, segundo ele, isso teria levado o ex-jogador à morte. O ex-médico de Diego entrou em contato com a produção do programa e respondeu as acusações.

- Como ele mente, ele inventa tudo, é perverso. Verônica só queria saber de dinheiro. Conheci o Baudry na televisão. Desmascarem esse mafioso – disse Luque, em mensagem que foi lida por Mariano Iúdica, apresentador do programa.

Maradona e Leopoldo Luque eram próximos. No entanto,  o médico é investigado após a Procuradoria da Argentina constatar em janeiro que Luque falsificou a assinatura do craque argentino para obter seu histórico clínico. O neurocirurgião também é acusado de não acompanhar de forma correta o estado de saúde de Diego nos seus últimos dias de vida, já que, segundo informações de veículos argentinos, a lenda do futebol misturava bebidas alcoólicas com medicamentos e sustentava o hábito de fumar, inclusive mantendo o uso de maconha.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários