Tamanho do texto

Atacante ficou revoltado com atitude de torcedores do Dínamo de Kiev. Dentinho, também do Shakhtar, foi outro de não segurou as lágrimas

Taison faz gesto obsceno para torcedores após ato de racismo%2C é expulso e deixa campo chorando arrow-options
Reprodução
Taison faz gesto obsceno para torcedores após ato de racismo, é expulso e deixa campo chorando

Mais um ato lamentável de racismo marcou o futebol europeu neste final de semana. Durante o jogo entre Shakhtar Donetsk e Dínamo de Kiev, pelo Campeonato Ucraniano, jogadores brasileiros foram alvos de preconceito racial.

Leia também: Balotelli é alvo de racismo, chuta bola em torcedores e deixa o gramado

No segundo tempo, o atacante brasileiro Taison se irritou com os cânticos racistas vindos da torcida do Dínamo e fez gesto obsceno para a arquibancada, chutando a bola na direção dos fãs do clube adversário.

Por conta disso, o árbitro resolveu expulsar Taison de campo, que deixou o gramado chorando bastante.

Leia também: Acusado de racismo, Deyverson se defende: "Nunca humilharia uma pessoa"

O também brasileiro Dentinho , companheiro de Taison no Shakhtar, foi outro que não escondeu as lágrimas diante de mais um ato de racismo na Ucrânia.

Confira no vídeo:

Dentro de campo, o Shakhtar Donetsk venceu o Dínamo de Kiev por 1 a 0, gol de Krivtsov, se mantendo na liderança isolada do Ucraniano.