Tamanho do texto

Jorge Ameal contou que o Timão apresentou uma oferta pelo atleta, mas devido ao sentimento de Román pelo clube, ele rechaçou a proposta

Lance

Riquelme no Boca Juniors arrow-options
Divulgação
Riquelme preferiu ficar no Boca Juniors

Ídolo do Boca Juniors devido as inúmeras conquistas com a camisa Xeneize, Carlitos Tevez utilizou a imprensa nas últimas semanas para declarações polêmicas. Em uma delas, afirmou que vestir a camisa do time argentino atualmente era brincar com fogo, devido os últimos meses turbulentos que o clube atravessou.

Leia também: Gabigol e Thiago Neves estavam apalavrados com Corinthians para 2019, diz Andrés

Como não poderia ficar sem resposta, alguns ex-dirigentes do Boca Juniors se manifestaram e Jorge Ameal, ex-presidente, não deixou barata a declaração do ‘Apache’.

“Ele é uma pessoa desprezível. Colocou o dinheiro a frente do sentimento quando foi jogar na China. São decisões que tomamos ao longo da vida e mostramos quem somos na realidade”, afirmou à TNT Sports.

Se não bastasse a ira do ex-mandatário, ele ainda revelou que  Riquelme teve uma proposta do Corinthians , mas recusou por amor ao clube argentino.

Leia também: De saída do Corinthians, Romero desperta o interesse de time argentino

“Quando falo sobre amor ao Boca Juniors lembro do Riquelme . Eu estava como presidente do clube e recebi uma oferta do Corinthians por Román. Ele olhou nos meus olhos e disse que não queria ir embora, pois o seu desejo era ficar conosco”, declarou.