Tamanho do texto

Éverton Cebolinha e Gabriel Jesus marcaram os gols para o Brasil; Guerrero de pênalti diminuiu. O jogo foi tenso depois da expulsão de Jesus no 2º tempo

gabriel jesus
Felipe Moreno / MoWA Press
Gabriel Jesus foi o personagem da vitória do Brasil contra o Peru

Brasil e Peru decidiram o título da Copa América na tarde deste domingo (07), no Maracanã, e o jogo foi bem agitado.

Leia também:  É tetra! Estados Unidos vence a Holanda e conquista título mundial feminino

Sendo o franco favorito, o Brasil começou bem a partida e aos 15 minutos Éverton Cebolinha abriu o placar do jogo após cruzamento de Gabriel Jesus. Com a vantagem a seleção continuou apertando e aos 23 minutos Philippe Coutinho perdeu uma ótima chance de ampliar o placar.

Os intensos primeiros minutos ficaram para trás e o Peru conseguiu impor seu ritmo. Aos 40 minutos, a bola bateu na mão do zagueiro Thiago silva e o árbitro marcou pênalti. O lance foi consultado no VAR e validado. Guerrero cobrou e empatou.

Porém, a alegria dos peruanos durou pouco e aos 47 minutos, Gabriel Jesus voltou a colocar o Brasil em vantagem.

Leia também:  Jair Bolsonaro quase cai ao comemorar gol do Brasil no Maracanã, assista

Na volta do intervalo a seleção brasileira continuou num ritmo alto e aos cinco minutos Philippe Coutinho assustou o goleiro Gallese com um chute forte de fora da área. Importante no início, Gabriel Jesus foi expulso aos 24 minutos do segundo tempo.

Depois da expulsão, o Peru começou a sair mais para o jogo. Porém, foi o Brasil que assustou aos 41 minutos quando o árbitro marcou pênalti para a seleção. Richarlison bate, converteu e sacramentou a vitória brasileira por 3 a 1.

Leia também:  Torcedores trocam ingresso da final da Copa América por passagem aérea

A conquista coloca o Brasil em terceiro na lista de maiores vencedores da Copa América. Agora a seleção tem nove títulos enquando a Argentina já conquistou 14 e o Uruguai, maior detentor de taças, 15.