Tamanho do texto

Para o jovem de 20 anos, a ausência do camisa 10 na equipe é tão sentida quanto Messi fora do Barcelona e Cristiano Ronaldo fora da Juventus

Mbappé comparou impacto de ausência de Neymar com Messi no Barcelona e Cristiano Ronaldo na Juventus
Reprodução
Mbappé comparou impacto de ausência de Neymar com Messi no Barcelona e Cristiano Ronaldo na Juventus

Neste domingo (03) o Paris Saint-Germain experimentou o gosto da primeira derrota na Ligue 1. A equipe líder do campeonato perdeu do rival Lyon por 2 a 1, fora de casa.

Leia também:  Corpo é encontrado em destroços de avião que transportava Emiliano Sala

Após o revés, o francês Kylian Mbappé foi perguntado por jornalistas se a ausência de Neymar tinha sido fator responsável pela derrota. O jovem de 20 anos explicou fazendo uma comparação.

“Perguntem ao (Ernesto) Valverde se é fácil jogar sem Messi ou ao Allegri se é fácil jogar sem Cristiano Ronaldo. Claro que para nós é mais difícil sem o Neymar. Mas no ano passado ele também esteve lesionado e seria bom não repetir os mesmos erros. Caso contrário, isso significaria que não aprendemos nada”, comentou Mbappé.

Relembrando, o camisa 10 do PSG se contundiu no dia 23 de janeiro em partida contra o RC Strasbourg, pela Copa da França. Foi constatado uma lesão no quinto metatarso do pé direito de Neymar, mesmo local que ele precisou operar no ano passado.

Apesar da gravidade da lesão, o brasileiro não precisará fazer uma cirurgia e adotará um tratamento mais conservador em casa. Neymar deve retornar ao PSG daqui dois meses e meio, no fim da temporada na Europa.

Quem também comentou sobre a falta que o craque brasileiro faz a equipe foi o treinador Thomas Tuchel. “Sim, Neymar nos faz falta para o último passa e para criar ocasiões de gol. Não sei o que vamos fazer, mas está claro que não temos um segundo Neymar ou um segundo Verrati, mas tenho plena confiança nos outros jogadores”, desabafou.

Liderando a Ligue 1 com uma folga de 10 pontos para o vice Lille, a maior preocupação do PSG não é com o campeonato nacional, mas sim com a Liga dos Campeões.

No próximo dia 12 de fevereiro, a equipe parisiense enfrenta o Manchester United no primeiro jogo das oitavas de final. A equipe inglesa está invicta desde que o técnico Ole Gunnar Solskjaer assumiu o time em 19 de dezembro.

Leia também:  Douglas Costa se envolve em acidente de trânsito na Itália, mas passa bem

A volta do confronto da Liga dos Campeões deve acontecer no dia 06 de março, no Parc des Princes. Sem a presença de Neymar, resta o PSG corrigir seus erros, como lembrou Mbappé , e tentar avançar de fase no torneio continental.

    Leia tudo sobre: Futebol
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.