Mbappé comparou impacto de ausência de Neymar com Messi no Barcelona e Cristiano Ronaldo na Juventus
Reprodução
Mbappé comparou impacto de ausência de Neymar com Messi no Barcelona e Cristiano Ronaldo na Juventus

Neste domingo (03) o Paris Saint-Germain experimentou o gosto da primeira derrota na Ligue 1. A equipe líder do campeonato perdeu do rival Lyon por 2 a 1, fora de casa.

Leia também:  Corpo é encontrado em destroços de avião que transportava Emiliano Sala

Após o revés, o francês Kylian Mbappé foi perguntado por jornalistas se a ausência de Neymar tinha sido fator responsável pela derrota. O jovem de 20 anos explicou fazendo uma comparação.

“Perguntem ao (Ernesto) Valverde se é fácil jogar sem Messi ou ao Allegri se é fácil jogar sem Cristiano Ronaldo. Claro que para nós é mais difícil sem o Neymar. Mas no ano passado ele também esteve lesionado e seria bom não repetir os mesmos erros. Caso contrário, isso significaria que não aprendemos nada”, comentou Mbappé.

Relembrando, o camisa 10 do PSG se contundiu no dia 23 de janeiro em partida contra o RC Strasbourg, pela Copa da França. Foi constatado uma lesão no quinto metatarso do pé direito de Neymar, mesmo local que ele precisou operar no ano passado.

Você viu?

Apesar da gravidade da lesão, o brasileiro não precisará fazer uma cirurgia e adotará um tratamento mais conservador em casa. Neymar deve retornar ao PSG daqui dois meses e meio, no fim da temporada na Europa.

Quem também comentou sobre a falta que o craque brasileiro faz a equipe foi o treinador Thomas Tuchel. “Sim, Neymar nos faz falta para o último passa e para criar ocasiões de gol. Não sei o que vamos fazer, mas está claro que não temos um segundo Neymar ou um segundo Verrati, mas tenho plena confiança nos outros jogadores”, desabafou.

Liderando a Ligue 1 com uma folga de 10 pontos para o vice Lille, a maior preocupação do PSG não é com o campeonato nacional, mas sim com a Liga dos Campeões.

No próximo dia 12 de fevereiro, a equipe parisiense enfrenta o Manchester United no primeiro jogo das oitavas de final. A equipe inglesa está invicta desde que o técnico Ole Gunnar Solskjaer assumiu o time em 19 de dezembro.

Leia também:  Douglas Costa se envolve em acidente de trânsito na Itália, mas passa bem

A volta do confronto da Liga dos Campeões deve acontecer no dia 06 de março, no Parc des Princes. Sem a presença de Neymar, resta o PSG corrigir seus erros, como lembrou Mbappé , e tentar avançar de fase no torneio continental.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários