Zagueiro Chumi, do Barcelona
Divulgação
Zagueiro Chumi, do Barcelona

O Comitê de Competições da Real Federação Espanhola de Futebol absolveu nesta sexta-feira o Barcelona no caso da escalação irregular do zagueiro Chumi. Desta forma, o clube azul e grená segue na Copa do Rei.

Leia também:  Sampaoli diz que não sabia de problemas financeiros do Santos e pede reforços

Segundo o órgão, a denúncia, protocolada também nesta sexta pelo Levante, adversário do Barcelona nas oitavas de final, foi feita após o prazo limite determinado pelo regulamento.

Você viu?

A confusão começou porque o jogador de 19 anos deveria ter cumprido suspensão automática por acúmulo de cartões amarelos quando ainda jogava pelo Barcelona B, na terceira divisão do espanhol, mas ele foi a campo na última semana, quando o escrete catalão perdeu para o Levante por 2 a 1, pela ida das oitavas de final da Copa do Rei .

Leia também:  Paul Pogba elogia Solskjaer no comando do United: "temos sistema e estrutura"

O prazo do clube da cidade de Valência apresentar a denúncia por conta da escalação irregular de Chumi , no entanto, era de 48 horas e, como o confronto aconteceu na quinta-feira passada (10), o recurso não teve validade e foi arquivado.

Leia também:  Pep Guardiola comenta sobre caso de espionagem no futebol da Inglaterra

Dentro de campo, após ser derrotado por 2 a 1 na ida com o time reserva, o Barcelona venceu, nesta quinta-feira, por 3 a 0, em casa e com todos os titulares, se garantindo nas quartas de final. Já em sorteio realizado nesta sexta, ficou definido que o clube Blaugrana irá enfrentar o Sevilla, em datas ainda não confirmadas.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários