Tamanho do texto

O treinador revelou que fez uso de espiões contra todos adversários do Leeds United e afirmou não se sentir um trapaceiro por isso

'El Loco' Bielsa admite que usou espião para observar treinamento de rivais
Reprodução / Getty Images
'El Loco' Bielsa admite que usou espião para observar treinamento de rivais

Recentemente, um espião do Leeds United foi encontrado observando o treino do Derby County, que era o próximo adversário do líder da segunda divisão do Campeonato Inglês, e o fato virou notícia na Inglaterra.

Leia também: Marcelo Bielsa faz jogadores recolherem lixo em volta de CT na Inglaterra

Nesta quarta-feira (16), o técnico do Leeds Marcelo 'Loco' Bielsa admitiu o uso do espião , e não só apenas neste episódio, e sim contra todos os outros rivais de seu time na competição. O argentino revelou inclusive que usou a tática durante a Copa do Mundo de 2002.

“Espionei todos rivais contra os quais jogamos e observei as sessões de treinamento de todos nossos oponentes antes de jogar contra eles”, afirmou o treinador de 63 anos.

“O que fiz não é ilegal. O fiz porque não era ilegal e não estaba violando um erro específico. Não posso dizer que isto seja o correto, mas vou tentar explicar que não não tive más intenções”, continuou.

Leia também: Brexit pode interferir em permanência de Vinícius Júnior no Real Madrid; entenda

“Toda informação eu preciso esclarecer, eu reuni isso sem assistir à sessão de treinamento do adversário, então por que eu enviei alguém para assisti-los? Apenas porque eu pensei que não estava violando a norma. Eu reuni informação que eu posso obter de outra forma”, declarou Bielsa .

Como é de costume, o argentino do Leeds foi sincero, e admitiu que a prática é estúpida, mas que ajuda o seu grupo a sentir menos ansiedade antes das partidas, já que sabem o que o adversário planeja fazer no duelo.

“Nos sentimos culpados se não trabalhamos o suficiente. Isso (ver o treino dos oponentes) nos permite ter menos ansiedade e, no meu caso, eu sou estúpido o suficiente para permitir este tipo de comportamento”, afirmou.

Leia também: PSG faz treino aberto no Catar para 6 mil pessoas e Neymar é ovacionado

Bielsa confessou também se sentir envergonhado em admitir o uso do espião , apesar de não se sentir um trapaceiro: “Eu sinto vergonha em ter que contar a vocês tudo isso. Eu não estou trapaceando. Eu sabia tudo que eu precisava saber”, finalizou 'El Loco'.

    Leia tudo sobre: Futebol