Tamanho do texto

Astro português deu algumas declarações sobre sua vida na Juventus e relembrou a passagem pelo Real Madrid

Cristiano Ronaldo disse que Messi, talvez, sinta sua falta
AS.com / Reprodução
Cristiano Ronaldo disse que Messi, talvez, sinta sua falta

De bem com a vida na Juventus, o atacante português Cristiano Ronaldo deu uma série de entrevistas à imprensa italiana, mais precisamente aos jornais "Gazzetta dello Sport", "Corriere dello Sport" e "Tuttosport" falando, principalmente, sobre a sua passagem pelo clube de Turim.

Leia também: Ronaldo Fenômeno elogia CR7 e diz qual a principal diferença entre os dois

Além disso, Cristiano Ronaldo disse também que gostaria de ver Lionel Messi dar o mesmo passo que ele e se mudar do futebol espanhol para o italiano.

Questionado se sente falta do argentino do Barça, CR7 foi enfático. "Não! Talvez ele é que sinta minha falta. Eu joguei na Inglaterra, Espanha, Itália, Portugal, na seleção, enquanto ele ainda está na Espanha. Talvez ele precise mais de mim. Para mim, a vida é um desafio, eu gosto disso e gosto de fazer as pessoas felizes", disse.

"Gostaria que Messi viesse para a Itália um dia. Que, como eu, aceite o desafio. No entanto, se ele está feliz por lá, eu respeito. Ele é um jogador fantástico, boa pessoa, mas eu não sinto falta de nada aqui. Esta é a minha nova vida e estou feliz", frisou Cristiano Ronaldo.

Leia também: Irmãs de Cristiano Ronaldo criticam vitória de Modric na Bola de Ouro

O jogador português afirmou também que se sente ótimo na Itália e que a imprensa sempre fala bem dele, diferente do que acontecia em seus tempos de Real.

"Turim é diferente de Madri, mais pequena, bonita. Gosto da cidade, das pessoas, do clube. A Juventus é fantástica, organizada e com jogadores que trabalham duro. Fiquei imediatamente impressionado", comentou.

Cristiano Ronaldo na Juventus
JUVENTUS/DIVULGAÇÃO
Cristiano Ronaldo na Juventus

O camisa 7 contou ainda que tinha outras opções para seguir a carreira quando saiu do Real Madrid, mas acabou escolhendo a Juve porque é um clube sólido, que nos últimos anos jogou duas finais da Liga dos Campeões e que venceu sete Campeonatos Italianos consecutivos.

"Não sabia 100% que a Juventus era o melhor clube para mim, também porque tinha ficado nove anos no Real Madrid, mas agora tenho 100% de certeza: fiz a melhor escolha", avisou o astro luso.

"Este é o melhor grupo em que já joguei. Aqui somos uma equipe. Em outros lugares existem alguns jogadores que se sentem maiores do que os outros, mas aqui eles estão todos na mesma linha, são humildes e querem vencer", continou Cristiano Ronaldo, dando um exemplo.

"Se Dybala ou Mandzukic não marcarem, você ainda vai ver que eles estão felizes, sorrindo. Para mim é lindo, percebo a diferença. Em Madrid também são humildes, mas aqui... é muito diferente de Madrid, aqui é mais uma família", frisou o jogador português.

Questionado se gostaria de encontrar o Real Madrid na Liga dos Campeões, CR7 não quis se mostrar agarrado ao passado. "Para mim é igual. O passado já passou, agora quero ganhar pela Juventus, tenho que defender estas cores e o resto não interessa. Se eu jogar contra o Real, tanterei dar o meu melhor".

Leia também: Cristiano Ronaldo treinava com pesos nos tornozelos e era motivo de chacota

Por fim, Cristiano Ronaldo apontou quais jogadores do Real ele gostaria de ver na Juve. "Falam sobre James Rodríguez, Bale, Asensio, mas, para ser sincero, a Juventus não precisa de outros jogadores. No futuro, não sei. Marcelo é forte, nós abrimos as portas aos bons jogadores e o Marcelo é um deles", finalizou. 

    Leia tudo sobre: Futebol

    Notícias Recomendadas

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.