Tamanho do texto

Neymar em quinto lugar na eleição promovida pela Federação Internacional de História e Estatísticas do Futebol; Courtois levou de melhor goleiro

Após ser eleito melhor jogador do mundo pela Fifa e ser o favorito para levar também a Bola de Ouro, o croata Luka Modric, do Real Madrid, foi anunciado nesta quinta-feira pela Federação Internacional de História e Estatísticas do Futebol (IFFHS) como o melhor jogador do mundo em 2018.

Leia também: Modric supera Cristiano Ronaldo e Griezmann e leva a Bola de Ouro, diz rádio

Favorito à Bola de Ouro, Modric foi eleito melhor jogador do ano pela IFFHS
Divulgação
Favorito à Bola de Ouro, Modric foi eleito melhor jogador do ano pela IFFHS

Modric , craque da última Copa do Mundo, a qual foi vice-campeão, levou o prêmio com 272 pontos entre especialistas de 90 países. Lionel Messi , do Barcelona, que levou o prêmio nos últimso três anos, ficou na segunda colocação, com 144 pontos. O brasileiro Neymar, do Paris Saint-Germain, fechou o top 5.

Em terceiro lugar ficou o belga Eden Hazard, do Chelsea, com 114 pontos, e na sequência veio seu compatriota Kevin de Bruyne, do Manchester City, com 36. O camisa 10 da seleção brasileira ficou com 18 pontos. O português Cristiano Ronaldo, da Juventus, ficou na décima colocação, com apenas cinco pontos.

Antes dele aparecem ainda, na ordem de sexto a nono, o francês Paul Pogba, do Manchester United, com 14 pontos, o dinamarquês Christian Eriksen, do Tottenham, com 10, o bósnio Miralem Pjanic, da Juventus, com sete e o colombiano James Rodriguez, do Bayern de Munique, também com sete.

Leia também: Neymar se torna o brasileiro com mais gols na Champions League; confira o top 10

A IFFHS anunciou também nesta quinta o prêmio de melhor goleiro de 2018, que foi para o belga Thibaut Courtois , que após a Copa do Mundo deixou o Chelsea para jogar no Real Madrid. Ele já havia levado o prêmio da Fifa e também a Luva de Ouro, no Mundial.

Courtois ficou com 181 pontos e logo atrás dele apareceram o francês Hugo Lloris, do Tottenham, com 109, e Gianluigi Buffon, que jogou na Juventus até o meio do ano e agora está no Paris Saint-Germain, com 59. Os goleiros da seleção brasileira Alisson, que hoje defende o Liverpool, e Ederson, do Manchester City, ficaram em sétimo (39) e 13º (seis), respectivamente.

Leia também: Por artilharia, Icardi presenteia colegas da Inter de Milão com relógios de luxo

Além de Modric , a alemã Dzsenifer Marozsan, do Lyon, levou o prêmio entre as mulheres, com 176 pontos. Marta ficou na segunda colocação, com 170. A melhor goleira também foi do Lyon, a francesa Sarah Bouhaddi. Deschamps, da França, levou o de melhor técnico de seleções, e Zidane o de melhor entre as equipes.

    Leia tudo sobre: futebol
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.