undefined
Reprodução
Conmebol puniu River Plate por ônibus do Boca Juniors ter sido apedrejado por torcedores do River na chegada ao Monumental de Nuñez

Na noite desta quinta-feira, a Conmebol divulgou nota em seu site oficial com sanções ao River Plate pela confusão antes da final da Copa Libertadores da América, no último fim de semana.

Leia também:  Favorito à Bola de Ouro, Modric é eleito melhor jogador do ano pela IFFHS

De acordo com o documento do Tribunal de Disciplina da Conmebol , o clube terá que pagar uma multa de 400 mil dólares (R$ 1.5 milhão, na cotação atual). Esse montante será retirado do valor que o River Plate receberia de direitos de televisão e patrocínio na competição.

Além do prejuízo financeiro, nas próximas duas partidas que a equipe disputar em competições organizadas pela Conmebol os portões serão fechados para a torcida. A sanção tem início no ano de 2019.

Para ser bem didático, a Conmebol especifica quem poderá entrar no Monumental de Nunez nos jogos em que a torcida estará proibida. Confira as exigências abaixo:

  • Máximo de 70 membros da deleção do River Plate (contando jogadores, equipe técnica, equipe médica e outros oficiais ou diretores da equipe);
  • Máximo de 20 membros da Associação Argentina de Futebol;
  • Jornalistas credenciados, desde que estejam em uma lista entregue ao delegado da Conmebol 24 horas antes da partida;
  • Pessoal técnico responsável pela transmissão televisiva;
  • Funcionários da polícia e da segurança;
  • Pessoal que trabalha com manutenção do estádio (iluminação, limpeza, etc); e
  • Delegação da equipe visitante com no máximo 70 pessoas.

Leia também:  Campeonato Brasileiro tem melhor média de salário da América e 9º do mundo

O River Plate tem o direito de recorrer da decisão à Câmara de Apelações da Conmebol nos próximos sete dias, contados a partir de hoje. A taxa para esse serviço é de 1.000 dólares (R$ 3.852).

Conmebol anuncia final da Libertadores na Espanha

undefined
Divulgação
Conmebol anunciou Estádio Santiago Bernabéu, do Real Madrid, como palco da final da Libertadores 2018, entre River Plate e Boca Juniors

No início da tarde desta quinta-feira, o jornal argentino La Nación publicou que a final da Libertadores da América 2018 entre River Plate e Boca Juniors acontecerá no dia 09 de dezembro, no estádio Santiago Bernabéu, em Madrid – Espanha. A Conmebol confirmou a informação horas depois.

A mudança de país foi um pedido da Fifa com o intuito de ajudar a Conmebol . As cidades de Assunção, no Paraguai, Doha, no Catar e Miami, nos Estados Unidos, eram as outras opções da entidade.

De acordo com informações adicionais, os custos da viagem dos clubes à Espanha serão pagos pela companhia aérea Qatar Airways, patrocinadora da Conmebol e do Boca. A companhia também custearia a viagem ao Mundial de Clubes em Abu Dhabi, Emirados Árabes, que tem início no próximo dia 12.

    Leia tudo sobre: Futebol

    Veja Também

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      Comentários