Tamanho do texto

O bairro de Flores tem sofrido com alta criminalidade desde 2017. Clube recorreu à Superliga Argentina para alterar o horário das partidas

Clube argentino quer evitar jogos a noite por assalto no estádio
Reprodução
Clube argentino quer evitar jogos a noite por assalto no estádio

O Club San Lorenzo de Almagro fez um pedido inusitado para a organização do Campeonato Argentino. Devido casos recorrentes de assalto no estádio Nuevo Gasómetro, o clube solicitou que as partidas sejam realizadas apenas durante o dia.

Leia também:  Fifa aprova e Copa América acontecerá a cada quatro anos a partir de 2020

Um documento relatando os casos de assalto no estádio foi enviado a Mariano Elizondo, presidente da Superliga Argentina. “Em razão dos roubos que vem sofrendo nossos torcedores nas imediações do estádio, sobretudo depois dos jogos noturnos, o clube solicitou novamente à SAF que nunca mais designe neste horário um jogo do San Lorenzo como mandante”, dizia post no twitter oficial do San Lorenzo.

O estádio Pedro Bidegain, nome oficial, fica no bairro Flores, em Buenos Aires – Argentina. Segundo informações de jornais locais, a região é dominada pelo narcotráfico e a escala de violência nos arredores tem aumentado consideravelmente desde o ano passado.

Leia também:  Brasileirão deste ano pode dar até nove vagas na Libertadores de 2019

No início desta semana, alguns torcedores do San Lorenzo foram assaltados ao saírem do estádio pós-jogo contra o San Martín. Como a situação já era de conhecimento do clube, os torcedores reclaram com a diretoria sobre a falta de segurança.

“Trata-se de uma constante que padecem os milhares de sócios e simpatizantes que a cada fim de semana se esforçam enormemente em pagar a cota social ou a entrada para ir ao estádio. Há anos que se repetem episódios de insegurança na região. Há anos que advertimos sobre essa situação”, diz o documento enviado à Superliga.

E continua com um desabafo. “Enviamos cartas a diferentes órgãos governamentais, à AFA e à entidade que o senhor (Mariano Elizondo) preside. Tristemente, pouco ou nada mudou”.

No site do Campeonato Argentino nenhum pronunciamento a respeito do pedido do San Lorenzo foi postado. O clube ainda aguarda a resposta da entidade.

Leia também:  Veja 10 vezes em que a arquibancada foi palco de manifestações políticas

O próximo jogo do San Lorenzo será amanhã as 11h00 contra o Racing, fora de casa. De volta ao Nuevo Gasómetro, na quarta-feira (31) a equipe disputa as quartas de final da Copa Argentina, contra o Temperley, as 19h00 no período que os casos de assalto no estádio acontecem. Lembrando que o horário oficial de Buenos Aires segue o de Brasília.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.