Tamanho do texto

Lista anual do The Guardian incluiu Rodrygo, do Santos, Ed Carlos, do São Paulo, e Luan Cândido, do Palmeiras; todos jogadores nasceram em 2001

Anualmente, o tradicional jornal inglês The Guardian divulga uma lista chamada "Next Generation", na qual eles colocam quais são os jogadores jovens que se destacarão no cenário mundial. Nesta quinta-feira, a edição 2018 foi revelada e nela aparecem três brasileiros entre os 60 escolhidos.

Leia também: Defesa de Cristiano Ronaldo admite acordo, mas nega culpa em caso de estupro

Três brasileiros entraram em lista de jovens promissores do jornal inglês
Reprodução
Três brasileiros entraram em lista de jovens promissores do jornal inglês "The Guardian"

Os três brasileiros são: o lateral esquerdo Luan Cândido, do Palmeiras, o meia Ed Carlos, do São Paulo, e o atacante Rodrygo, do Santos, mas que já foi vendido para o Real Madrid. O critério de escolha foi que os atletas devem ser nascidos em 2001.

A publicação destaca ainda outro jogador, o jovem croata Antonio Marin, como uma referência ao Brasil. Isso porque o atleta do Dínamo Zagreb já é reconhecido pelo talento para o drible, velocidade e finalização com as duas pernas, que lhe renderam o apelido de "Neymar croata".

Outro jovem que se destaca na lista é o francês Képhren Thuram-Ulien, do Monaco. Ele é filho mais novo de Lilian Thuram, campeão do mundo em 1998 com a França. O atual dono da taça do mundo conta com cinco nomes na lista e é o país com mais representantes.

Leia também: Torcedor do Liverpool agredido por ultras da Roma em abril está paralisado

Com o segundo maior número de nomes na relação, quatro, a Espanha é lembrada por jovens do Barcelona, Atlético de Madri, Sporting Gijón e Valencia. Um deles é o zagueiro Eric García, que já está negociado com o Manchester City com 16 anos. Mollejo, do Atleti, já treina, inclusive, com o time principal.

Alemanha, Itália e Uruguai são os outros países com trios no " Next Generation ". Argentina, Uruguai, Croácia, Inglaterra, Geórgia, Holanda, Noruega e Turquia são representados por dois atletas.

Leia também: Técnico da França diz que lesão no pé atrapalhou desempenho de Neymar na Copa

Dos três brasileiros lembrados pelo jornal inglês, o que mais se destacou até aqui é Rodrygo , tanto que já está vendido para o Real Madrid. O atacante do Santos, neste ano, no Campeonato Brasileiro e em oito jogos da Copa Libertadores, marcou sete gols e deu três assistências.

    Leia tudo sobre: futebol
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.