Tamanho do texto

O paraguaio Lucas Barrios jogou no Palmeiras entre 2015 e 2017 e ajudou na contratação do zagueiro Gustavo Gómez mesmo estando fora do clube

Lucas Barrios atuou no Palmeiras entre 2016 e 2017
Reprodução
Lucas Barrios atuou no Palmeiras entre 2016 e 2017

O atacante Lucas Barrios teve passagem marcante pelo Palmeiras. Chegou ao alviverde em 2015 e permaneceu por lá até o final do Paulistão do ano passado. Trocou o Verdão pelo Grêmio e hoje é adversário do ex-clube defendendo o Colo-Colo do Chile em duelo às 21h45, em Santiago, pelas quartas de final da Libertadores.

Leia também: Palmeiras prega foco antes de jogo da Libertadores contra Colo-Colo

Mas, mesmo longe do Palmeiras há mais de um ano, ele ainda ajudou o time paulista na contratação de reforços em 2018. O atacante Lucas Barrios foi fundamental na chegada do zagueiro Gustavo Gómez, companheiro de seleção paraguaia.

“É bom que a torcida saiba que o Gustavo tinha propostas da Europa, do Boca e do Flamengo. Pedi que o Barrios falasse para ele de nossa estrutura. Deu certo. A princípio ele fica conosco até o meio da próxima temporada”, revelou o diretor de futebol Alexandre Mattos, que negociou pessoalmente com o Milan da Itália o atleta de 25 anos.

Leia também: STJD rejeita impugnação da final do Paulista 2018; Palmeiras não irá recorrer

Em entrevista coletiva antes do confronto decisivo desta quinta, Barrios reconheceu que auxiliou o Palmeiras pelo carinho que tem ao clube brasileiro. “Sim. Estive por lá quase dois anos. Tenho um carinho especial pelo clube, jogadores e pela forma de hierarquia existente lá”, elogiou o paraguaio.

Leia também: Cruzeiro pede investigação da Conmebol por expulsão de Dedé contra o Boca

Mas, assim que a bola rolar tudo isso ficará de lado. O atacante Lucas Barrios serve como uma “analista” do adversário e aponta grande disputa esta noite. “É um grupo muito bom ( Palmeiras ). Tem grandes jogadores. Mas todo este carinho por eles fica de lado. Vou defender as cores do Colo-Colo, com respeito e atenção a esta equipe de muita qualidade, mas lutarei até a morte”, avisa.

    Leia tudo sobre: Futebol
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.