Tamanho do texto

Zagueiro brasileiro comentou sobre o carinho e amor em relação ao português Benfica, seu primeiro clube no futebol europeu

David Luiz vestiu a camisa do português Benfica entre os anos de 2007 e 2011
Reprodução
David Luiz vestiu a camisa do português Benfica entre os anos de 2007 e 2011

Foram apenas dois anos no Vitória como jogador profissional quando, em 2007, foi comprado pelo Benfica. Em Portugal , David Luiz ficou por cinco temporadas, sendo depois transferido para o Chelsea. Com uma passagem ainda no PSG, o brasileiro, hoje de volta ao clube inglês, não esconde seu amor por sua primeira equipe na Europa.

Leia também: Cristiano Ronaldo quer R$ 326 milhões por ano para continuar no Real Madrid

Em uma entrevista ao canal do Youtube  Pilhado , o zagueiro revelou que pretende aposentar as chuteiras no clube português. "Nunca escondi que amo o Benfica e, mesmo sendo tudo muito rápido no futebol, penso em terminar a carreira no Benfica", afirmou David Luiz .

Leia também: Neymar perde a liderança no ranking dos jogadores mais valiosos do mundo

Corintiano, o jogador do Chelsea contou que se apaixonou pelo time de Lisboa. "O benfiquista é apaixonado. Quando se entrevista um benfiquista, ele diz: 'Benfica vem primeiro, depois vem a mulher e a minha família'. Eu costumo falar: 'Quem não é benfiquista mas tem oportunidade de viver o que é o Benfica... Torna-se benfiquista'", disse. "Como jogador, o Benfica foi onde aprendi a amar e a ser torcedor".

Leia também: Yaya Touré revela tratamento racista e xenofóbico de Guardiola

Rumo ao Chelsea

David Luiz chegou ao Chelsea em 2011, em 2014 ficou duas temporadas no PSG e retornou ao clube inglês
Divulgação / Chelsea
David Luiz chegou ao Chelsea em 2011, em 2014 ficou duas temporadas no PSG e retornou ao clube inglês

A chegada no clube da Premier League , no entanto, foi vista, a princípio, com resistência. O brasileiro relembrou que não queria deixar as terras de Pedro Álvares Cabral, mas contou com o incentivo de Rui Costa, dirigente do clube português.

"Saí do Benfica a 31 de janeiro, no último dia da janela de inverno. Foi difícil, adoptaram-se da melhor maneira e pensava: Não, vou ficar. E o Benfica naquele dia, tentando oferecer mais dinheiro que o Chelsea . Foi o Rui Costa que me falou assim: 'Vai que eu quero que você mostre o seu futebol ao mundo, não só aqui. O Benfica vai estar aqui, o Benfica vai esperar-te, o Benfica ama-te, vai'. Isso ajudou-me muito a decidir. E então falei: 'vou'", completou David Luiz.

    Leia tudo sobre: amor