Tamanho do texto

Técnico do time, o espanhol recusou um pré-contrato que o Barcelona havia feito com o Borussia Dortmund por Gundogan e preferiu turco

Depois de três temporadas como treinador do Barcelona , pode-se dizer que a passagem de Luis Enrique no comando da equipe foi muito positiva. Ele conquistou uma Liga dos Campeões, um Mundial de Clubes, dois Campeonatos Espanhóis e três Copas do Rei. Neste período, o técnico teve 76,2% de aproveitamento, com 138 vitórias e apenas 21 derrotas.

Leia também: Entenda a polêmica por trás da contratação de Figo pelo Real Madrid

Gundogan retribui aplausos da torcida do Manchester City
Reprodução/Twitter
Gundogan retribui aplausos da torcida do Manchester City

No período, o Barcelona fez grandes contrataçoes como o uruguaio Luis Suárez e o croata Ivan Rakitic. No entanto, alguns jogadores longe de agradar ao treinador e a torcida. Um desses atletas foi o turco Arda Turan, contratado no início da temporada 2015/16, mas que ficou treinando por seis meses no clube antes de fazer a sua estreia, já que o clube estava punido pela UEFA.

O maior problema foi que para a chicada do meia do Atlético de Madrid, Luis Enrique deixou de lado um outro meio-campista que já estava em pré-acordo com o time espanhol, o alemão Ilkay Gundogan. Ao abrir mão do jogador, o volante assinou com o manchester City e foi a primeira contratação de Pep Guardiola como comantante da equipe inglesa.

O pior, para o Barcelona, foi que Turan não deu certo na equipe. Não conseguiu se firmar como titular e nem teve boas atuações e amargou o banco de reservas. Já Gundogan conquistou um lugar cativo no coração dos Citizens. mesmo com muitas lesões, vem tendo uma boa sequência e conquistou a titularidade em um dos clubes mais concorridos do mundo.

Leia também: Em jogo de gols contra, Barcelona goleia Roma na Champions; Liverpool vence City

O que pesou para a contratação do Turco era que ele já estava atuando no Campeonato Espanhol e sua adaptação seria mais rápida e fácil.

A história foi confirmada por Bayram Tutumlu, agente FIFA. Ele revelou os fatos em entrevista ao site turco mynet.com . "Luis Enrique queria Arda Turan. Por isso, Gundogan não pôde chegar ao Barcelona", revelou o dirigente.

Leia também: Ex-Borussia Dortmund, Thomas Tüchel será o novo técnico do PSG, diz site

Atualmente, Gundogan é titular do Manchester City, que o contratou por cerca de R$ 93 milhões. Já Turan foi emprestado pelo Barcelona ao Istanbul Basaksehir, que disputa o Campeonato Turco.

    Leia tudo sobre: Futebol