Tamanho do texto

Homem mais rápido do mundo vai participar de treino aberto com o clube alemão

Usain Bolt vai integrar treino do Borussia Dortmund
Reprodução
Usain Bolt vai integrar treino do Borussia Dortmund

O Borussia Dortmund anunciou nesta quinta-feira (22), a chegada de Usain Bolt. Aposentado das pistas desde meados de 2017, o jamaicano sempre manifestou a vontade de um dia poder ser jogador de futebol profissional. O clube alemão, patrocinado pela mesma marca que apoia o atleta, tornou o desejo possível.

Leia também: Usain Bolt gera polêmica ao vestir camisa "feminista" em festa de Carnaval

No Twitter, o Borussia revelou que Usain Bolt vai participar de um treino com a equipe principal do clube. Não só isso, os torcedores e fãs vão poder ver o homem mais rápido do mundo nos gramados. Mas para isso acontecer, vão precisar desembolsar 9,45 euros, o equivalente a cerca de R$ 38,4.

A chegada do recordista mundial dos 100 metros no time é uma campanha em conjunto com a Puma, marca que patrocina tanto o ex-atleta, quanto o clube da Alemanha . Nas redes sociais, a empresa brincou com os rumores: "Eles disseram que isso não iria acontecer".





Leia também: Usain Bolt ajuda a cavar cova de amigo atleta morto na Jamaica; assista

"Não é uma piada. Nós tomamos essa decisão há um tempo. Usain estava muito interessado em poder treinar conosco. Para nós, não há nenhum problema e nosso técnico (na época Thomas Tuchel) gostou da ideia também. Com certeza ele não vai nos visitar no meio de uma partida importante de Liga dos Campeões, mas talvez na pré-temporada", declarou em 2016 o diretor-executivo do Borussia, Hans-Joachim Watzke.

Leia também: Por que Usain Bolt é o homem mais rápido da história? A ciência tentou explicar

Manchester United

Aposentado das pistas, o jamaicano vai entrar nos gramados do Old Trafford em 10 de junho de 2018. Mas engana-se quem pensa que o homem mais rápido do mundo vai jogar pelo Manchester United , seu time do coração. Usain Bolt vai jogar pela Unicef no Soccer Aid, uma partida solidária na qual as verbas são revertidas para as crianças. O ex-atleta vai ser o capitão da equipe "Resto do Mundo", contra a equipe "Inglaterra", comandada pelo cantor Robbie Williams.

    Leia tudo sobre: futebol
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.