Tamanho do texto

Charlie Austin foi acusado de conduta violenta após ter chutado o rosto do goleiro adversário, visto que este já se encontrava com a bola nas mãos

Charlie Austin, jogador do Southampton, dá chute no rosto do goleiro rival, Jonas Lossl
Reprodução
Charlie Austin, jogador do Southampton, dá chute no rosto do goleiro rival, Jonas Lossl

Acusado de má conduta, Charlie Austin vai ficar sem entrar em campo por pelo menos três partidas, conforme declarou a Federação Inglesa de Futebol. O jogador do Southampton foi protagonista de uma polêmica durante o confronto contra o Huddersfield, pela 19ª rodada do Campeonato Inglês . Em uma disputa de bola, o atacante deu um chute no goleiro adversário, Jonas Lossl.

LEIA TAMBÉM: Ex-Arsenal vai à falência, dorme no chão e revela pensar em suicídio

Após o ocorrido, o arqueiro do Huddersfield ficou sangrando e ainda precisou de quatro minutos de atenção médica. Na ocasião, Charlie Austin não foi penalizado pelo árbitro, mas depois, recebeu a punição da entidade responsável pelo esporte na Inglaterra . O jogador , por sua vez, argumentou de que a suspensão em três partidas foi exagerada.

Do outro lado, o treinador do Huddersfield pareceu inconformado com o ocorrido. "Foi um desafio muito feio e desagradável, isso nunca deve acontecer. Havia grande distância do goleiro e da bola, Jonas estava bem antes com a bola. Isso nunca deve acontecer. Infelizmente Charlie Austin tomou a decisão errada no momento, e isso acabou acontecendo", disse David Wagner.

LEIA TAMBÉM: Ribéry se irrita no Twitter e manda internauta ir transar com a própria avó

Assista o vídeo:




LEIA TAMBÉM: Filhos de zagueiro do Barcelona se emocionam ao ver o pai na TV; veja a fofura

Morte na Ásia

Choirul Huda, goleiro do Persela Lamongan
Reprodução
Choirul Huda, goleiro do Persela Lamongan

Na Indonésia, uma disputa de bola parecida levou à morte de um goleiro. O ocorrido aconteceu durante a partida da Super League do país entre Persela Lamongan e Semen Padang pela segunda rodada do campeonato. Em uma defesa, o goleiro Choirul Huda colidiu com seu companheiro de equipe Ramon Rodrigues e horas após o ocorrido, faleceu.

Nas imagens, é possível ver que além do companheiro de equipe, Huda colide ainda com um jogador do time adversário. Acredita-se ainda, que a causa da morte teria sido o impacto da cabeça do goleiro batendo no gramado. O atleta da Indonésia tinha 38 anos de idade e foi bastante homenageado pelo clube onde escreveu sua história na carreira do futebol

    Leia tudo sobre: futebol