Jean
Instagram/Jean
Jean

Após a negociação com Paulo Victor , do Grêmio , esfriar, o Cerro Porteño tem um novo goleiro brasileiro,  que perdeu espaço por aqui por conta de um episódio de agressão.  Trata-se de Jean, ex-Atlético-GO, que foi emprestado pelo São Paulo e defenderá a equipe paraguaia na próxima edição da Copa Libertadores .

De acordo com a imprensa paraguaia, o vínculo vai até o final de 2021 com opção de compra avaliada em 2,8 milhões de dólares. A busca por Jean acontece após o uruguaio Rodrigo Muñoz, titular da posição, sofrer grave lesão e obrigar o Cerro a ir ao mercado de transferências em busca de um substituto.

Anteriormente, o Cerro se interessou pelo goleiro Paulo Victor, do Grêmio, mas o prazo de inscrição de reforços internacionais no país vizinho fez a negociação não ir para frente. Valores de salário, luvas e o tempo de contrato não agradaram ao goleiro do clube gaúcho.

O último dia para registro do atleta seria esta sexta-feira (26), o que inviabilizou o avanço da negociação.

Já Jean estava emprestado ao Atlético-GO e retornou depois da última temporada. A ideia do São Paulo era negociá-lo e lucrar com a transferência, já que não teria espaço com Hernán Crespo. Ele fez seis gols em 46 jogos.

Aos 25 anos, Jean se envolveu em polêmica nos Estados Unidos no fim de 2019, após agredir a esposa em uma viagem de férias. Titular absoluto da equipe e um dos destaques do Brasileirão 2020 com Marcelo Cabo, Jean buscava um novo destino. Ma a repercussão negativa pela situação extracampo inibiu interessados como  Vasco e também o Grêmio.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários