Lance

Andrés Sanchez revelou valores dos naming rights em vídeo com Serginho Mallandro
Reprodução
Andrés Sanchez revelou valores dos naming rights em vídeo com Serginho Mallandro

Um inusitado agente de informação trouxe mais um ingrediente para a novela dos naming rights da Arena Corinthians: trata-se do comediante Sérgio Mallandro que, em vídeo que circula nas redes sociais nesta sexta-feira, interroga Andrés Sanchez sobre o acordo de exploração do nome do estádio, e o mandatário acaba soltando os valores da negociação: R$ 350 milhões.

O comediante, que nas imagens parece jantar com o presidente alvinegro, faz mais uma de suas brincadeiras que o tornaram famoso desde os anos 80 na TV brasileira. Ele inclusive pronuncia o termo "naming rights" de uma forma peculiar, remetendo a um de seus característicos bordões. Em meio ao bom humor, porém, ele acabou conseguindo uma informação importante.

Confira o diálogo maluco, mas esclarecedor entre Andrés e Serginho:

Andrés: ...Quem pagar R$ 350 milhões

Serginho: Quem pagar o que?

Andrés: R$ 350 milhões

Serginho: E eu estou sabendo que estão pagando... Diz o nome, presidente, os corintianos, todo mundo quer saber. Naimin rái.

Andrés: O corintiano sabe o que vai acontecer, demorou mas vai acontecer, pode ficar tranquilo, os antis vão pirar, mas os corintianos ficam felizes.

Serginho: Caraco, ele não fala mesmo! Glu-glu, ié-ié! Naimin rái! Corintiano, fica tranquilo, porque esse presidente vai resolver tudo! Naimin rái! Não tem uma dicazinha? Naimin rái! Alemão? Búlgaro?

Andrés: Vou ter que aprender a falar inglês e mandarim!

Serginho: Como?

Andrés: Inglês e mandarim!

Serginho: Corintiano, vai sofre mais um pouquinho até...

Segundo apuração do LANCE!, o acordo está próximo de ser fechado pelo valor de R$ 350 milhões e o direito de exploração por 20 ou 30 anos. A empresa mais falada nos bastidores é a Hypera Pharma, conforme o "UOL" e o "Máquina do Esporte" cravaram na última quinta-feira. No clube, entretanto, as palavras de ordem são cautela e sigilo. Nenhuma das fontes consultadas, por ora, confirmam a conclusão do acordo, o que deve ocorrer na próxima semana.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários